Curiosidades, Saúde

Cárie Dentária: O que é e como evitar

Desde pequenos ouvimos que devemos cuidar bem dos nossos dentes, ter uma boa escovação e acompanhamento com o dentista, certo? O fato é que boa parte das pessoas morrem de medo de ir ao dentista, principalmente porque pode levar um puxão de orelha do especialista. A cárie dentária é um dos problemas mais frequentes em grande parte das pessoas, mesmo em pleno século 21 ela continua presente e poderia ser evitada em todos se cada um tivesse o devido cuidado com a saúde bucal.

Quando alguns tipos específicos de bactérias começam a produzir um tipo de ácido e esse ácido começa a destruir o esmalte do dente, depois a dentina e o cemento. As bactérias formam o ácido a partir dos restos de alimentos e principalmente dos açúcares que ficam nos nossos dentes. Dentre as bactérias responsáveis pela formação da cárie, está a Streptococcus mutans que são encontradas principalmente em crianças e podem passar de uma pessoa para outra. Quando a desintegração  das camadas dos dentes é superior à formação mineral dessas camadas a cárie começa a ser formada. Dependendo do nível em que a cárie está, o dentista pode sugerir a extração ou a restauração do dente afetado, por isso é muito importante o acompanhamento de pelo menos no intervalo de seis meses.

Só o dentista pode dar a certeza de que você está com o dente cariado, isso porque a cárie se desenvolve na parte inferior do dente, onde não conseguimos ver. A cárie tem mais chances de se desenvolver na região da mastigação ou onde possua fissuras. Independente de onde esteja localizada, é importante tratar o quanto antes para evitar que algo mais grave aconteça. A OMS (Organização Mundial de Saúde) estima que todos os adultos, em algum momento da vida, apresentem uma cárie. Apesar de uma das bactérias causadoras poder passar de pessoa para pessoa, a cárie em si não é transmissível.

Para evitar que adquira a cárie dentária, alguns passos bem simples devem ser seguidos:

  1. Escove os dentes pelo menos 3 vezes ao dia;
  2. Faça avaliações regulares;
  3. Diminua o açúcar na sua dieta;
  4. Utilize produtos de higiene dental que possuam flúor;
  5. Certifique-se de que a água que você bebe contenha flúor.

O sorriso é o nosso cartão de visita e ninguém quer ter um sorriso feio não é mesmo? Então é muito bom tomar esses cuidados e com toda certeza seus dentes irão agradecer!

Gostou do assunto de hoje? Compartilha e comenta esse post!

 

Leia Também: