Curiosidades, Saúde

Para que serve o Ômega 3?

É comum vermos muitos comerciais sobre as cápsulas do Ômega 3 e elas são provavelmente uma das que mais tem propaganda atualmente. Apesar de ouvirmos falar delas muitas vezes, nem sempre paramos para entender ou tentar entender como funcionam. Hoje iremos descobrir o que é e para que serve o Ômega 3, não só as cápsulas, mas o composto no geral. Pode ficar tranquilo que você não irá ler somente aquilo que você já ouviu várias e várias vezes, que ele é “extraído de peixes de águas frias e profundas lá da Noruega”, sem mais enrolação, vamos para a matéria!

O que é?

O ômega 3 é um conjunto de ácidos graxos poli-insaturados, ou seja, ele possui duplas ligações entre as moléculas de carbono da sua estrutura. A ligação se inicia no terceiro carbono mais distante do radical carboxila, assim tornando esse ácido diferente dos ômegas 6 e 9. Define-se “Ômega 3” tipos de óleos essenciais, que são aqueles que os seres humanos não produzem, assim tendo que adquirir da natureza.

Para que serve?

O Ômega 3 é importante durante várias fases da nossa vida. Durante o pré-natal ele contribui para o desenvolvimento adequado do sistema nervoso fetal e também regula o sistema imunológico. Durante o período de amamentação, o grupo de ácidos auxilia no progresso do desenvolvimento cerebral, já durante a infância, ele exerce o controle sobre o sistema imunológico e a manutenção da estamina cerebral. Durante a vida adulta, ele contribui na redução dos níveis do LDL (colesterol ruim) e trigliredídeos e melhora os níveis do HDL (colesterol bom). Embora tenha papel fundamental durante todas essas fases, durante a terceira idade, o ômega 3 é o mais procurado, já que ele  atua como anti-inflamatório, reduz as dores articulares, protege o sistema nervoso central, auxilia também na plasticidade cerebral e regula os receptores hormonais.

Quais alimentos possuem o Ômega 3?

É encontrado principalmente em peixes de águas profundas , como o salmão, bacalhau, sardinha e cavalinha. Podemos encontrar também em óleo de soja, óleo de canola, nozes, sementes de chia, linhaça, camarão e couve. Existem casos de pessoas que não conseguem adquirir o Ômega 3 através da ingestão desses alimentos, sendo assim, é indicado que a pessoa marque uma consulta com um especialista para que ele encontre uma outra forma que possa obter resultados.

Além desses alimentos, nos dias de hoje conseguimos encontrar cápsulas do Ômega 3 sendo comercializadas em todas as farmácias.

Viu como é bom ficarmos sempre por dentro de tudo? O Ômega 3 é realmente muito importante para nós, vale lembrar que é sempre bom termos o acompanhamento de um médico e fazer um check-up pelo menos 2 vezes ao ano para ver como anda a saúde!

Gostou da matéria de hoje? Compartilha e Comenta esse post!

Você também pode gostar de