Connect with us

Hi, what are you looking for?

Curiosidades

Como Surgiu o Setembro Amarelo?

Como Surgiu O Setembro Amarelo?

Sabemos que as taxas de suicídio no mundo inteiro são bastante elevadas e sempre surgem debates procurando meios para diminuir isto. O suicídio é algo que deve ser evitado ao máximo e por isso é sempre muito importante estarmos dialogando com as pessoas, por mais que seja um assunto bastante delicado.

Bom, provavelmente você deve saber que o mês em que estamos é conhecido como setembro amarelo, certo? Mas sabe como surgiu essa campanha? Sabe quais são os objetivos e a importância dela? Prepare-se, pois é o que nós descobriremos agora mesmo.

Origem do Setembro Amarelo

A campanha setembro amarelo teve origem aqui no Brasil em 2015, por meio como uma iniciativa do  Centro de Valorização da Vida (CVV), Conselho Federal de Medicina (CFM) e Associação Brasileira de Psiquiatria (ABP). As primeiras atividades da campanha aconteceram em Brasília, mas a partir de 2016 várias outras regiões aderiram ao movimento.

A campanha acontece durante o mês de setembro inteiro, mas a Associação Internacional para a Prevenção do Suicídio (IASP) estimula a divulgação da causa em todo o mundo no dia 10 de setembro, já que nesta data é comemorado o Dia Mundial de Prevenção ao Suicídio no mundo todo.

Como Surgiu O Setembro Amarelo?

Quais São os Objetivos?

Bom, você já sabe que existe a campanha, mas sabe quais são os objetivos dela? O principal objetivo do setembro amarelo é a conscientização sobre a prevenção do suicídio, a campanha busca alertar a população a respeito da realidade dessa prática no Brasil e no mundo.

A campanha incentiva o diálogo com a finalidade de evitar os pensamentos suicidas e até mesmo o próprio suicídio. Diversas ações são realizadas ao longo do mês de setembro, principalmente porque entende-se que isso também é uma questão de saúde pública.

Qual é A Importância da Campanha?

Só para se ter ideia, de acordo com a OMS, o Brasil está em oitavo dentre os países com maior número de suicídios. Somente em 2013 foram 11.821 que se suicidaram, sendo que 90% desses suicídios poderiam ter sido evitados com ajuda psicológica.  Cerca de 17% dos brasileiros já pensou seriamente em suicídio. 4,8% deles já elaboraram um plano para isso.

Somente com esses dados conseguimos ter a dimensão da importância do setembro amarelo. A campanha busca salvar vidas através da informação e do diálogo sobre este assunto sério que ainda é um tabu na nossa sociedade.

Advertisement. Scroll to continue reading.
Como Surgiu O Setembro Amarelo?

Como identificar que alguém precisa de ajuda?

Muitas das vezes podemos estar perto de alguém que esteja com pensamentos suicidas e talvez nem cheguemos a notar, por isso é importante ficarmos atentos aos seguintes pontos:

  • Se a pessoa apresentar comportamento retraído, dificuldades para se relacionar com família e amigos;
  • Se ela tiver casos de doenças psiquiátricas como: transtornos mentais, transtornos de humor (depressão, bipolaridade), transtornos de comportamento pelo uso de substâncias psicoativas (álcool e drogas), transtornos de personalidade, esquizofrenia e ansiedade generalizada;
  • Caso a pessoa apresente irritabilidade, pessimismo ou apatia;
  • Se sofrer mudanças nos hábitos alimentares ou de sono.
  • Caso mostre odiar-se, apresentar sentimento de culpa, sentir-se sem valor ou com vergonha por algo;

  • Se a pessoa tiver um desejo súbito de concluir afazeres pessoais, organizar documentos, escrever um testamento;
  • Caso a pessoa apresente sentimentos de solidão, impotência e desesperança;
  • Se escrever cartas de despedida;
  • Se falar repentinamente sobre morte ou suicídio;
  • Caso ela apresentar um convívio social conturbado;
  • Caso tenha doenças físicas crônicas, limitantes e dolorosas, doenças orgânicas incapacitantes como dores, lesões, epilepsia, câncer ou AIDS;
  • E se presentar personalidade impulsiva, agressiva ou humor instável.

Como Ajudar?

Após você identificar que determinada pessoa pode vir a cometer suicídio, chegou a hora de ajudá-la, mas como fazer isso? Bom, antes de tudo é preciso ouvir, demonstrar empatia e ficar calmo. Além disso, é extremamente importante ser afetuoso e dar o apoio necessário. Levar a situação a sério e verificar o grau de risco é algo completamente indispensável.

Enquanto estiver conversando com a pessoa, você deve explorar outras saídas para além do suicídio, identificando outras formas de apoio emocional, além de conversar com a família e amigos imediatamente. Pessoas que possuem pensamentos suicidas devem sempre estar acompanhadas, recebendo atenção e afeto. Sempre aceite a queixa da pessoa e tenha respeito pelo seu sofrimento, demonstre preocupação e cuidado constante. Além de tudo isso, é muito recomendado que procure a ajuda de um especialista.

Como Surgiu O Setembro Amarelo?

O que não fazer?

Na maioria das vezes não sabemos como lidar com uma pessoa que está tentando se suicidar e por isso acabamos cometendo muitos erros. Em momentos como este, não devemos julgar a pessoa, mas sim estendermos as mãos para ela e estarmos prontos para ajudar. Banalizar a situação é algo que também deve-se evitar, além disso, nunca deve-se dar “opiniões” como por exemplo: “isso é falta de Deus” ou “está fazendo isso para chamar atenção”.

Brigar nunca é a solução, afinal de contas, pensamentos suicidas são um sintoma e não uma escolha. Também nunca deve-se dar frases de incentivo, pois a pessoa pode sentir-se ainda pior por não conseguir se sentir melhor, achando que a culpa de tudo isso é dela, quando na verdade não é.

Como Pedir Ajuda?

Caso você seja a pessoa que precisa de ajuda, não hesite em ligar para 188 e conversar com um dos voluntários do Centro de Valorização da Vida. Eles estão lá para você e podem entender perfeitamente pelo que você está passando.

Falar com alguém próximo e contar tudo o que se passa pela sua cabeça pode fazer toda a diferença, então é extremamente importante que você busque por ajuda. Afinal de contas, a sua vida importa muito e existem muitas pessoas que te acham incrível e amam ter a sua presença por perto!

Como Surgiu O Setembro Amarelo?

Leia Também: Por Que As Pessoas Se Suicidam?
Leia Também: O Misterioso Caso Da Música Relacionada A Vários Suicídios

Devemos sempre prestar atenção às pessoas que estão ao nosso redor e procurar sempre conversar, principalmente sobre os sentimentos. O suicídio deve ser evitado de toda forma possível, afinal de contas, cada vida importa e quando uma se vai, muitas outras sofrem.

Você já conhecia o setembro amarelo? Comenta aqui em baixo e não esquece de compartilhar esse post com os seus amigos!

Advertisement. Scroll to continue reading.
Advertisement

Leia Mais

Curiosidades

Um dos lançamentos mais esperados do ano, o Disney Plus, ou Disney + gera muita curiosidade em quem ainda não conhece como este novo...