Connect with us

Hi, what are you looking for?

Curiosidades

Conheça a espécie de vespa que transforma aranhas em “zumbis”

A floresta amazônica é o lar de muitas criaturas bizarras, como anacondas gigantes e piranhas devoradoras de carne. Mas ao que tudo indica, existe uma nova criatura esperando para ser adicionada à essa lista: uma espécie de vespa que deposita seus ovos no abdômen de aranhas e que depois “sequestra” o cérebro delas, basicamente transformando-as em “zumbis”.

A vespa anteriormente desconhecida do gênero Zatypota, foi descoberta por pesquisadores canadenses da Universidade da Colúmbia Britânica (UBC), enquanto realizavam trabalhos de pesquisa na bacia amazônica equatoriana. Eles documentaram a relação simbiótica de uma espécie das chamadas “aranhas sociais” e publicaram recentemente algumas descobertas bastante interessantes na revista científica “Ecological Entomology”.


Tudo começa quando a vespa deposita seus ovos no abdômen de uma aranha da espécie Animimius eximius. Após um tempo, a larva choca e se fixa no corpo do aracnídeo, enquanto se alimenta da hemolinfa do hospedeiro (que seria o equivalente ao sangue dos vertebrados). Conforme a larva vai ficando maior, a aranha acaba ficando “mumificada, de modo que ela sai de seu habitat e cria um casulo para a larva. Depois de um tempo, a larva curiosamente come a própria aranha de dentro pra fora, entrando posteriormente no casulo, de onde emergirá completamente formada em um espaço de nove a onze dias depois. Os cientistas acreditam que isso acontece porque essa vespa recém-descoberta é aparentemente capaz de “sequestrar” o sistema nervoso de seu hospedeiro.

Segundo os pesquisadores, as vespas que manipulam o comportamento das aranhas já foram observadas anteriormente, mas não em um nível tão complexo quanto este. De fato, é exatamente isso o que torna essa nova espécie de vespa diferente dos outros membros do gênero Zatypota e da maioria dos outros insetos parasitoides.

Os cientistas acreditam que as vespas atacam esses tipos de aranhas sociais porque elas garantem o fornecimento de uma grande quantidade de alimento e um ambiente estável como uma colônia hospedeira. Os pesquisadores esperam voltar para o Equador em busca de mais informações a respeito dessa nova espécie, que pode dar uma nova perspectiva ao que já se sabe sobre as criaturas parasitárias.

Curioso, não é mesmo? Compartilhe o post e deixe o seu comentário!

Advertisement. Scroll to continue reading.

Leia Mais

Bizarro

As bizarrices estão espalhadas pelo mundo inteiro e não é de hoje. Como bem sabemos, essas bizarrices podem ser encontradas nos mais variados setores,...

Curiosidades

É comum vermos muitos comerciais sobre as cápsulas do Ômega 3 e elas são provavelmente uma das que mais tem propaganda atualmente. Apesar de...

Curiosidades

Sabemos que existem diversos casos de sequestro espalhados pelo mundo, alguns deles acabam ficando tão famosos que ganham destaque internacional. Mas também sabemos que...

Curiosidades

Sabemos que é extremamente importante cuidarmos da nossa saúde, afinal de contas, só permanecemos vivos se ela estiver boa. Acompanhamento médico e uma forma...

Curiosidades

Existem aquelas pessoas que dizem que só acreditam em algo que vê, bom, nós não vemos o vento, mas sabemos que ele existe, certo?...

Curiosidades

É muito comum que o universo chame a atenção de diversas pessoas, principalmente porque ele é infinito e sempre é protagonista de várias e...