Curiosidades

Até que altura um balão com gás hélio pode chegar?

Até que altura um balão com gás hélio pode chegar?

Se não houver nenhum teto ou algum outro obstáculo em seu caminho, um balão (ou bexiga, dependendo da sua região) sobe cada vez mais alto até atingir alturas incríveis. Um balão cheio de gás hélio pode ir ainda mais longe, podendo viajar a vários quilômetros acima da superfície da Terra, ainda que não possam flutuar no espaço, o que no final das contas resultaria em mais lixo espacial com o qual teríamos de lidar. Mas afinal, até que altura um balão de gás hélio pode chegar?

Caso um balão comum (esse que você encontra em festas de aniversário) seja enchido com gás hélio, ele pode chegar até aproximadamente 10 km de altura, o que já é uma marca bastante impressionante se considerarmos a fragilidade desse tipo de objeto. No entanto, os balões meteorológicos (que são feitos com materiais bem mais complexos e mais resistentes) podem percorrer três vezes essa distância, chegando na casa dos 30 km com uma certa facilidade.

Toda essa proeza das viagens aéreas alcançadas pelos balões só acontece graças ao chamado “Princípio de Arquimedes”, que diz que todo corpo mergulhado num fluído sofre a ação de um empuxo vertical. Trazendo esse conceito para o assunto principal desse post, isso significa que o balão flutua, em primeiro lugar, porque o gás hélio presente em seu interior é menos denso que o ar externo. Conforme o balão vai subindo cada vez mais alto, a pressão do ar circundante cai e o hélio no interior se expande. Quando a densidade do balão corresponde à densidade do ar, a sua ascensão “rumo ao infinito e além” é interrompida. Como consequência, quando o nível de expansão do gás hélio ultrapassa o limite do material de látex, o balão acaba explodindo, colocando um ponto final na sua aventura.

É importante deixar claro que soltar balões para atingir grandes altitudes pode causar problemas, ainda que sejam simples balões de festa. Além de interferir no ecossistema de animais selvagens, eles também podem causar transtornos para os aviões comerciais, caso atinjam altitudes muito elevadas.

Interessante, não é mesmo? Compartilhe o post e deixe o seu comentário com a gente!

Leia Também: