Curiosidades

Por que as nossas pupilas ficam maiores no escuro?

Por que as nossas pupilas ficam maiores no escuro?

Se você já ficou acordado até tarde da noite, já pode ter notado algo peculiar em seus olhos. Se você observá-los bem nesse tipo de ocasião, pode notar que as pupilas tendem a ficar maiores no escuro. Isso acontece porque as pupilas, localizadas no centro dos olhos, geralmente se dilatam em ambientes com pouca iluminação. Mas afinal, por que isso acontece?

Para saber por que isso acontece, precisamos primeiramente conhecer um pouco mais sobre o olho em si. A parte externa do olho que você pode ver e sentir é chamada de córnea. Logo atrás da córnea fica a íris, uma membrana circular que dá a cor aos seus olhos. A íris desempenha um papel importante no bom funcionamento do olho. Sua função é controlar a quantidade de luz que entra no olho através da pupila, que é a abertura no meio da íris que parece um “círculo preto”. Assim como uma câmera depende da luz para capturar imagens vívidas, seus olhos dependem da quantidade correta de luz para enxergar corretamente. Durante o dia, menos luz é necessária para ver as coisas ao seu redor. À noite, no entanto, é necessária mais luz para ver coisas que você poderia ter visto facilmente durante o dia.

Para controlar a quantidade de luz que entra no olho, a íris aumenta ou diminui para alterar o tamanho da pupila. Por exemplo, quando está escuro, a íris se alarga e a pupila se dilata, ou fica maior, para permitir que a maior quantidade de luz possível entre no olho. O oposto ocorre durante o dia. Quando o sol está brilhando a todo vapor, a íris se estreita e a pupila se contrai, ficando menor. Isso restringe a quantidade de luz que entra no olho, permitindo apenas a entrada de uma pequena quantidade de luz suficiente para enxergar corretamente.

Vale destacar que, além de controlar a quantidade de luz que entra no olho, as nossas pupilas também podem mudar de tamanho em resposta a estímulos emocionais. Por exemplo, se você está com raiva, com medo ou até mesmo apaixonado, suas pupilas podem mudar de tamanho enquanto seu corpo sente essas emoções. As pupilas também podem se contrair e dilatar como resultado do uso de uma variedade de medicamentos e drogas. É por isso que os médicos costumam acender uma luz nos olhos do paciente para determinar se a sua visão está funcionando corretamente.

Interessante, não é mesmo? Compartilhe o post e deixe o seu comentário!

Leia Também: