Curiosidades

Conheça a origem das tradições carnavalescas!

Conheça a origem das tradições carnavalescas!

Durante o feriado de Carnaval cada região tem suas próprias tradições, que são ricas, alegres e revigorantes. Logo, nada mais justo do que conhecer a origem das tradições carnavalescas, não é mesmo?

Dia como mulher

Sabe a tradição dos homens se vestirem como mulheres durante as festividades? Ela vem do século 20 e tem relação com a psicologia da festa. Afinal, o Carnaval é um espaço para inversão onde você faz tudo o que não fará durante o resto do ano. Logo, pareceu lógico vestir-se como o sexo oposto.

É hora de bloco!

Ainda no século 19 surgiram os primeiros blocos carnavalescos e sua origem é creditada ao português José Nogueira de Azevedo Prades, ou sapateiro Zé Pereira que em 1846 saiu pelas ruas do Rio de Janeiro tocando bumbo para atrair foliões.

Guerra de Água? Sim!

Essa é ainda mais antiga e vem do século 17 quando a tradição carnavalesca ainda não contava com música ou dança. Neste período a festividade era marcada pelas guerras de água derivadas da colonização portuguesa. Porém, neste período a artilharia era pesada e contava não apenas com água como lama, laranjas, limões-de-cheiro, bolinhas de cera fina e água, ovos e outras substâncias.

Tradições Carnavalescas

Marchinhas tradicionais

Essas são marca do Carnaval dos anos 30 a 50, porém sua origem vem do final do século 19 quando ‘Ó Abre Alas’ surgiu, sendo composta por Chiquinha Gonzaga para o bloco Rosa de Ouro do Andaraí, RJ.

Vamos de trio-elétrico?

Esta é a tradição mais nova, tendo surgido nos anos 50 com os músicos baianos Dodô e Osmar que equiparam um Ford 29 meio caidinho com dois alto-falantes, assim dirigindo pelas ruas de Salvador com sua música, já no ano seguinte o Ford foi trocado por uma picape e contou com Themístocles Aragão para compor no ‘trio’ elétrico. Entendeu? Hehe.

Mas e as mascaras?

Essas derivam da tradição italiana e europeia do século 13 onde eram promovidos elegantes bailes de máscaras. Porém, só no século 19 que as máscaras foram se tornar populares e acessíveis a todo o povo.

Interessante não é mesmo? Comente!

Leia Também: