Curiosidades, História

O que é feminismo?

O que é feminismo?

Hoje é um dia para falar sobre ser mulher e não há como mencionar o assunto sem falar sobre feminismo. Você sabe como o feminismo começou e se desenvolveu? É o que hoje iremos contar para você de forma breve para contextualizar você.

O feminismo é a busca constante por igualdade entre os gêneros e sua história se inicia há muitos anos. De acordo com a cultura, data e necessidade do país, o feminismo se desenvolveu e se desenvolve em prol de causas e objetivos diferentes. No ocidente o feminismo se desenvolve há mais tempo, principalmente se considerarmos o conceito dos historiadores de que toda luta em prol dos direitos da mulher são lutas feministas independente se foram rotuladas assim ou não em sua época.

Existem outros historiadores que dizem o contrário, que lutas que não se rotularam como feministas fazem parte do período chamado de protofeminismo. Além disso, o feminismo ocidental é dividido em três grandes ondas que se iniciam no século XIX. A primeira onda compreende justamente este período do século XIX até o século XX onde tivemos as lutas pelo sufrágio da mulher, a exigência de direitos trabalhistas e também educacionais para meninas e mulheres. Já a segunda onda compreende as décadas de 60 a 80 e marca a luta contra a desigualdade das leis e também contra a desigualdade social e o papel da mulher na sociedade em que vivemos. A terceira onda compreende o final da década de 80 até os anos 2000 onde ainda hoje lutamos pelas igualdades sociais e legislativas, corrigindo as falhas ainda não corrigidas.

A palavra feminista surgiu pela primeira vez na França e Países Baixos em 1872 – les féministes – já na Grã-Bretanha foi utilizado pela primeira vez em 1890 e nos Estados Unidos em 1910. O Oxford English Dictionary traz o termo ‘feminista’ pela primeira vez em 1894 e ‘feminismo’ em 1895. Foi o jornal inglês The Daily News o responsável por introduzir o termo ‘feminista’ a língua inglesa, assim o levando para a França. Entretanto, isso não era algo positivo já que a redação do jornal a abordava como algo perigoso. Até então era falado apenas ‘Direito das Mulheres’

Definir feminismo é uma tarefa árdua que deve compreender tanto o discurso quanto a escrita e defesa dos temas que são relevantes a esta luta. Os direitos e identificação de injustiças também fazem parte dessa difícil conceituação. Por isso é importante que você estude, compreenda e veja o valor que há e todas as mudanças já conquistadas por essas mulheres e homens que percebiam e percebem a desigualdade.

Gostou das informações? Comente!

Leia Também: