Curiosidades, Entretenimento, Netflix

Perdidos no Espaço (2018): As melhores curiosidades sobre a série!

Perdidos no Espaço (2018): As melhores curiosidades sobre a série!

Como todos devem saber, é muito difícil achar uma série boa, principalmente quando se trata da minha pessoa que só gosta de séries “estranhas”, porém após um amigo insistir para eu ver a série “Perdidos no Espaço”, acabei mudando um pouco minha opinião e estou começando a aceitar mais dicas sobre produções cinematográficas para assistir, afinal essa série é muito boa. Bom, tendo isso em vista, decidi trazem um post dedicado somente a ela, para que assim você possa saber um pouquinho mais sobre a série. Espero que gostem!

A série possui o selo original Netflix e tem até o momento 10 episódios distribuídos em uma temporada. Vale lembrar que ela é baseada em uma produção de mesmo nome que foi lançada 1965, bom, daqui a pouco a gente conversa mais sobre isso, leve isso como uma curiosidade bônus.

O que acontece na série “Perdidos no Espaço”?

No ano de 2046 a família Robinson e a nave espacial Jupiter 2, que inclusive é uma das várias naves Jupiter, encontram um rasgo no espaço-tempo e acabam caindo em um planeta desconhecido. Anos-luz encalhados do destino pretendido, os Robinsons e outros colonos juntam suas forças para combater um estranho novo ambiente alienígena e seus próprios demônios pessoais enquanto tentam sair daquele planeta.

Curiosidades de Perdidos no Espaço!

  • O ator Bill Mumy é o único que apareceu na série de TV original Perdidos no Espaço (1965), onde interpretou Will Robinson. Já no remake ele interpreta o verdadeiro Dr. Smith;
  • O robô no modo mal se assemelha ao monstro maligno que o Dr. Smith (Gary Oldman) se transforma no filme de 1998 (Sim, a série de 1965 fez tanto sucesso que acabou ganhando um filme tributo nos anos 90);
  •  No primeiro episódio, o Júpiter 2 escapa de ser “sepultado” no gelo. Esta cena é semelhante a cena “escape do planeta em colapso” do filme de 1998;
  • Na série original, Penny encontra um macaco alienígena e o nomeia como Debby. No remake da Netflix, Don tem um frango de estimação e o nomeou Debby. Pouco peculiar, não acha?
  • Na série de 1965, o Dr. Smith era um vilão que tinha como proposito sabotar o lançamento da Júpiter 2, mas no meio desse processo ele acaba ficando preso na espaço-nave e saí rumo a Alpha Centauri junto com a família Robinson, na nova versão Dr. Smith é interpretado por uma mulher com objetivos obscuros;

  • Aí vai uma curiosidade bem interessante: A série clássica teve o episódio piloto mais caro da história da televisão, que inclusive nunca foi ao ar. Algumas cenas foram reutilizadas nos cinco primeiros episódios da série. Para você ter uma noção, a CBS (Produtora da série) poderia falir caso a série não fizesse o sucesso esperado. Ainda bem que deu tudo certo, né não?
  • Como todos devem saber, a maioria dos filmes de ficção usam e abusam de efeitos especiais, porém Perdidos no Espaço mudou isso. A produção da série original fez toda a parte interna da Jupiter 2 e o veículo de exploração, ou seja, eles realmente existiram!

O que achou do post? Comente logo abaixo 😀

Leia Também: