Curiosidades, História

Por que existe um hambúrguer em exposição numa assembleia legislativa canadense?

Por que existe um hambúrguer em exposição numa assembleia legislativa canadense?

Se você é uma pessoa excêntrica o suficiente para querer ver um hambúrguer em exposição, tudo o que precisa fazer é ir para Edmonton, a capital da província de Alberta, no Canadá. Ao chegar lá, peça para algum morador local te indicar as direções para o que eles chamam de “The Ledge”, que é a designação popular dada ao prédio da Assembleia Legislativa de Alberta. Além de ser o lugar onde as propostas de leis são discutidas, o The Ledge é também o lugar onde um hambúrguer vive em exposição para quem quiser vê-lo. Mas por que ele foi colocado lá?

O hambúrguer está lá simplesmente porque é um documento oficial do governo. Obviamente, ele não é um “documento” no sentido tradicional, já que não há palavras sobre ele (só algumas sementes de gergelim mesmo). Tudo isso começou em 1969 quando o legislativo estava debatendo sobre algum assunto que acabou envolvendo a palavra “fornecimento”. Um membro da assembleia chamado Clarence Copithorne viu ali uma oportunidade de fazer uma observação. Ele não estava feliz com a qualidade das opções de comida do refeitório do prédio e queria expressar a sua insatisfação de uma maneira oficial.

Copithorne tomou a palavra em determinado momento e disse: “Quando se fala sobre fornecimento, uma coisa que eles devem nos fornecer lá em cima é boa nutrição ao meio-dia”. E então, ele pegou um hambúrguer que havia comprado na lanchonete pouco antes da sessão e segurou para todos verem, como uma forma de provar seu ponto de vista. A façanha de Copithorne realmente funcionou os outros membros da assembleia o aplaudiram de pé, fazendo com que os cardápios finalmente melhorassem dias depois.

Após esse acontecimento bizarro, o hambúrguer foi levado para a biblioteca do prédio, já que tudo o que os membros da mesa fazem na casa se torna parte do registro oficial. Então, um funcionário lacrou o hambúrguer em uma caixa de acrílico e o devolveu a Copthorne como lembrança.

Copithorne levou o hambúrguer para casa e depois disso, o alimento acabou caindo no esquecimento de todos, até o dia em que seu dono veio a falecer. Em 2008, seu filho encontrou o hambúrguer enquanto limpava a garagem de seu pai já falecido, mas em vez de jogá-lo fora o jovem rapaz resolveu levar a relíquia de volta à biblioteca legislativa. O bibliotecário do local prontamente aceitou o hambúrguer, pois é possível ver na placa da cápsula uma mensagem que diz “certificado como um documento oficial”, além de outros detalhes sobre sua história. E assim, o hambúrguer está em exibição desde então.

Curioso não é mesmo? Deixe o seu comentário!

Leia Também: