Conecte-se conosco

Oi, o que você está procurando?

Curiosidades

O curioso caso do meteorito que atingiu um carro nos anos 90

No dia 9 de outubro de 1992, uma brilhante bola de fogo cruzava o céu noturno sobre a região leste dos Estados Unidos, surpreendendo milhares de espectadores. A bola de fogo, que as testemunhas chegaram a descrever como sendo mais brilhante que a lua cheia, viajava quase horizontalmente e se dirigia em direção para o nordeste. Em apenas 40 segundos, o meteorito cruzou quatro estados viajando 700 quilômetros pela atmosfera, mas o fato mais curioso desse evento veio a acontecer quando o objeto espacial tocou o solo em Peekskill, Nova York, provocando um forte estrondo.

Michelle Knapp, uma estudante de 17 anos, assistia televisão na sala de estar da casa dos seus pais quando ouviu um barulho muito alto do lado de fora. Michelle saiu correndo para investigar e lá viu o seu carro, um Chevrolet Malibu 1980, em um estado bem diferente do que ela estava acostumada a ver. O porta-malas do veículo estava torcido e apresentava um grande buraco. Logo ao seu lado, havia uma rocha que pesava mais de 12 quilos e que estava fumaçando e cheirando a ovos podres. A rocha era na verdade o meteorito visto anteriormente por milhares de pessoas.

Michelle Knapp analisando o nível do estrago no seu carro.

Obviamente, Michelle não ficou nada feliz quando viu aquela cena, afinal, ela havia comprado o carro recentemente. Sem saber do que se tratava, Michelle resolveu chamar os policiais pois acreditava que aquilo era um ato de vandalismo. Foi então que um vizinho sugeriu que vândalos não conseguiriam atirar pedras como aquela e deu a sugestão de que a rocha poderia ter origem espacial. A suspeita mostrou-se correta quando, no dia seguinte, um curador do Museu Americano de História Natural de Nova York confirmou que o objeto era realmente um meteorito, o mesmo que havia percorrido o céu na noite anterior.

A mãe de Michelle ao lado do carro da filha.

Vale destacar que o fenômeno foi capturado por várias câmeras com múltiplas perspectivas, o que no final das contas acabou possibilitando aos cientistas determinar a trajetória exata do meteorito. De fato, o meteorito de Peekskill é um dos poucos já registrados cuja órbita é precisamente conhecida.

Quanto ao carro, Michelle conseguiu um acordo com um renomado colecionador de meteoritos por um valor muito maior que o preço de um veículo novo daquele modelo. Desde então, o carro participa de exposições em várias cidades do mundo, incluindo Paris, Tóquio, Munique e muito mais.

História curiosa, não é mesmo? Compartilhe o post e deixe o seu comentário!

Propaganda. Role para continuar lendo.

Leia Mais

Curiosidades

Chaves é sem dúvidas alguma um dos melhores seriados já exibidos na televisão. Criada por Roberto Bolãnos, a turma do Chaves foi exibida aqui...

Especial

Uma das grandes discussões presentes hoje no Brasil inclui a legalização de produtos CBD com fins medicinais. Felizmente, para quem aguardava ansiosamente, hoje temos...

Curiosidades

Você com certeza já deve ter assistido à algum jogo de futebol na vida, certo? Ok, então acho que você também reparou que quando...