Conecte-se conosco

Oi, o que você está procurando?

Curiosidades

Conheça os segredos por trás da cena do elevador em O Iluminado

Obra prima de Stanley Kubrick baseada em um dos melhores livros de Stephen King, O Iluminado é um marco dos anos 80 quando o assunto é filmes de terror. Seja pela direção de Kubrick, atuação de Jack Nicholson ou ainda suas cenas marcantes, é inegável a fama deste longa-metragem. Porém, você já parou para pensar em como foi gravada a cena do elevador sem o auxílio de efeitos especiais?

Caso você não se lembre, em uma das cenas é possível ver que do elevador do Hotel Overlook acontece uma gigantesca explosão de sangue que choca e marca a todos os que assistiram ao filme. Ela é muito importante para dar o tom do filme e a tensão continuar e certamente foi um desafio grava-la. O responsável pela engenhosidade foi o cineasta e parceiro de décadas de Kubrick Lion Vitali. Segundo ele, a primeira preocupação foi com a cor e textura do sangue. “Passamos diversas semanas tentando obter a qualidade e a cor do sangue o mais natural possível”

Após, a preocupação era que as portas do elevador não conseguissem segurar as centenas de litros de sangue produzido pela produção. Para tanto, a produção foi pensada nos mínimos detalhes e a ideia era acertar em uma única cena, o que pode ter deixado o diretor um pouco frustrado já que é conhecido por repetir as cenas até a exaustão, beirando números centenários de repetições.

Então o dia chegou e foi preciso ser muito rápido já que o elevador não seguraria o líquido por muito tempo. “O elevador estava começando a vazar antes que as portas se abrissem, acho que é possível ver isso no filme”, diz Vitali. Antes de lotar o elevador com sangue, quatro câmeras foram posicionadas e, assim que o elevador estava cheio, todos foram retirados do set. Afinal, uma onda com centenas de litros invadiria tudo e seria muito arriscado caso algo desse errado. Só foi possível ver o resultado após a gravação e por incrível que pareça, Kubrick gostou de primeira e usou apenas o take frontal no longa. Veja a cena:

https://www.youtube.com/watch?v=3b726feAhdU

Propaganda. Role para continuar lendo.

Vale ressaltar que na obra de Stephen King, esta cena não existe. Na verdade, o que sai do elevador são lembranças e enfeites de uma festa que ocorreu no Hotel tempos antes. Porém, “todo esse sangue saindo do elevador, de certa forma, diz um pouco sobre o hotel se tornar um personagem” disse Vitali.

Interessante, não acha? Comente!

Leia Mais

Bizarro

“O que você quer ser quando crescer?” é muito comum ouvirmos essa pergunta quando ainda somos criança e logo pensamos em inúmeras possibilidades, porém...

Curiosidades

Você com certeza já deve ter assistido à algum jogo de futebol na vida, certo? Ok, então acho que você também reparou que quando...

Curiosidades

Os restaurantes fast food são bastante frequentados, principalmente para quem precisa fazer um lanche de baixo custo e delicioso. existem diversos desses restaurantes espalhados...

Curiosidades

Desde pequenos estamos acostumados a ouvir perguntas do tipo: “O que você quer ser quando crescer?” e consequentemente começamos a pensar sobre isso. Mas...

Bizarro

A Noiva Cadáver é uma das animações mais famosas do mundo e um dos trabalhos mais conhecidos do Tim Burton. Mas se você nunca...