Curiosidades

Quem inventou o pão de mel?

Quando era pequena, eu odiava pão de mel, afinal… ele tinha gosto de mel! Porém, com o tempo, aprendi a amar esta delícia macia e achocolatada e hoje decidi trazer sua história aqui para o TriCurioso. Vamos conhece-la?

Como toda boa origem, existem duas versões e é claro que conheceremos as duas! A primeira se passa na Rússia onde o primeiro pão de mel teria surgido, por lá seu nome seria Pryaniki e seria feito de farinha, mel e um pouco de suco de frutas. Com o tempo, a receita teria sido aprimorada com um pouco de especiarias e sido passada de geração para geração, sendo que cada localidade traria sua própria forma de fazer. Algumas regiões tinham o costume de fazer o doce em forma de animais e enfeitar suas árvores de Natal com ele. Em outros lugares o Pryaniki era presente de casamento e festas ou até mesmo assado em formato de anjo e presenteado a pessoas doentes com o desejo de cura.

Já a segunda origem se passa na Europa e conta a história de um produto feito à base de mel e outros ingredientes como farinha de trigo, chocolate, manteiga, especiarias e ovos que, quando pronto, era banhado em chocolate. Segundo conta a tradição, este delicioso doce teria surgido após os europeus terem descoberto a possibilidade de fazer pão com especiarias e cobri-lo com chocolate derretido, assim prolongando seu sabor e umidade. Hoje o pão de mel é conhecido em todo o mundo e é facilmente encontrado com os mais diversos recheios e variações. Porém, sendo russos ou europeus, o que importa é que o doce conquista os mais diversos paladares e tenho certeza de que você comeu muitos deles neste final de ano não é mesmo?

Gostou da matéria? Comente!

Leia Também: