Curiosidades

Qual é a diferença entre caldeira vulcânica e cratera vulcânica?

Embora os processos vulcânicos sejam altamente destrutivos na natureza, eles também podem levar à formação de características geográficas muito interessantes. As caldeiras e crateras vulcânicas são duas dessas características, mas observar a diferença entre ambas nem sempre é uma tarefa fácil. Ao longo desse post, vamos explorar alguns fatores que podem ajudar na hora de definir cada uma dessas formações.

Uma caldeira vulcânica geralmente se forma quando uma grande erupção de magma ou fluxo de lava deixa para trás um enorme vácuo subterrâneo. Desse modo, materiais vulcânicos acima desta câmara colapsam para o interior, deixando uma enorme depressão no topo. As caldeiras podem ser circulares ou assumir qualquer outra forma de acordo com a magnitude e a natureza violenta da atividade vulcânica que as formam. Curiosamente, as caldeiras vulcânicas podem surgir inicialmente como crateras vulcânicas, mas se aprofundam e se expandem posteriormente por conta da atividade vulcânica dessas regiões. As caldeiras vulcânicas servem como constantes lembretes de grandes erupções no passado. O Parque Nacional de Yellowstone, nos Estados Unidos, é uma grande caldeira, assim como o Valle Grande .

Caldeira vulcânica do Lago Crater.

Por outro lado, uma cratera vulcânica é geralmente menor em tamanho e costuma ser bastante circular. Os vulcanologistas descrevem as paredes das crateras como sendo feitas de material piroclástico e depósitos de lava. As aberturas ativas propícias para novas atividades vulcânicas também é uma das principais diferenças entre uma cratera vulcânica e uma caldeira, já que algumas crateras ocasionalmente mostram sinais de atividades por baixo da fumaça ou do vapor expelido.

Cratera vulcânica de Diamond Head em Honolulu, Havaí.

Vale destacar que tais diferenças apresentadas são relativamente básicas, de modo que em certos casos são necessários estudos mais aprofundados para se obter mais detalhes sobre a formação em questão.

Formações interessantes, não é mesmo? Compartilhe o post e deixe o seu comentário com a gente!

Leia Também: