História

Você conhece o Dodô?

O Dodô foi uma ave que não era capaz de voar extinta três séculos atrás. O Dodô é considerado a mais famosa ave extinta pelo homem. Sua última aparição foi nas Ilhas Maurício, onde vivia em 1662.

O Dodô foi descoberto em 1598 por navegadores holandeses e cem anos mais tarde já havia sido exterminado. A ave sofreu muito com as grandes navegações dos anos 1500. Nessa época a ilha em que os Dodôs viviam foi amplamente colonizada, as pessoas traziam seus animais, porcos, galinhas, ratos e até mesmo macacos. Esses animais destruíram os ninhos dos Dodôs.

Os Dodôs não tinham medo do homem porque evoluiu isolado e sem predadores em sua ilha. Por isso os colonizadores o caçavam para se alimentar, eram de fácil captura.

O Dodô tinha um metro de altura e pesava cerca de 20 kg. Suas cores variavam entre branco, cinza e preto. Tinha o bico curvado na ponta para facilitar sua alimentação que era composta na maioria por peixes, sementes e frutas. Não se sabe muito sobre essas aves, mas o Dodô é um símbolo da influência do homem sobre a flora e a fauna. A chegada do homem levou a extinção de toda uma espécie.

Sobre a extinção do Dodô

A extinção dos Dodôs gerou um impacto ambiental na ilha. Uma árvore, conhecida como Calvária, era fonte de alimento das aves, através de suas sementes. Os Dodôs dispersavam essas sementes pela ilha, ajudando na reprodução das árvores. Hoje existem somente 13 exemplares da árvore no mundo inteiro, com idade superior a 300 anos. A árvore Calvária também pode acabar extinta. Essa árvore também é conhecida por Árvore-Dodô.

O Dodô tinha uma ave geneticamente mais próxima a ele, que também foi extinta: o Solitário-de-Rodrigues, da família dos pombos. Ainda vivo o Pombo-de-Nicobar é seu parente mais semelhante.O Dodô ficou mais conhecido ao fazer parte do filme Alice no País das Maravilhas.

Você conhecia o dodô? Deixe nos comentários!

Você já assistiu nosso último vídeo no Canal Experimentando?

Clique aqui para assistir no YouTube

Você também pode gostar de