História

Você sabe o que foi a Guerra dos Farrapos?

Você sabe o que foi a Guerra dos Farrapos?

A Guerra dos Farrapos, também conhecida como Revolução Farroupilha, ocorreu no Rio Grande do Sul e durou dez anos de 1835 até 1845. A Guerra dos Farrapos foi um conflito regional contra o Governo Imperial do Brasil.

O que levou à guerra?

Entre os motivos que levaram à guerra, o mais importante foi a revolta com os altos impostos cobrados pelo governo em cima do couro e charque, principais produtos da economia do Rio Grande do Sul naquela época. Os farroupilhas também eram contra o fato de que o charque e o couro vindo de outros países  entrava no Brasil com preços bem mais baratos, dificultando o comércio local.

Ao longo dos anos, o conflito assumiu um caráter separatista. Desejando liberdade, abolição da escravatura e democracia, em 11 de setembro de 1836 foi declarada a Proclamação da República Rio-Grandense. Foi criado um hino nacional e uma bandeira para o novo estado, que até hoje são mantidos pelo Rio Grande do Sul. A cidade de Piratini foi definida como a capital da república, sendo chamada de República do Piratini. Hoje a capital do estado é Porto Alegre.

Como se desenrolou o conflito?

Em 1837, o líder revolucionário Bento Gonçalves é declarado presidente da República do Piratini. A luta dos farroupilhas estava se tornando cada vez mais popular e apoiada. O revolucionário italiano Giuseppe Garibaldi ajudou a propagar o movimento, tomando Laguna, em Santa Catarina e declarando a República Juliana, confederada à República Rio-Grandense, aumentando mais ainda o cenário da revolução.

Leia também: Quem foi Napoleão Bonaparte?

Em 1840 foi concedida anistia a todos os rebeldes do período regencial. O novo presidente tentou convencer os farroupilhas a terminar a guerra e aceitar anistia, mas não obteve sucesso, os rebeldes seguiram lutando. Os farroupilhas também constituíram a Marinha Rio-Grandense. Giuseppe Garibaldi era o capitão da marinha. Ele coordenou a construção de dois barcos de guerra. Foi assim que os farrapos chegaram a Laguna.

O fim do conflito

Em 1845 os farrapos aceitam a “paz honrosa”, que incluía algumas das suas reivindicações: incorporação dos oficiais farroupilhas ao exército imperial, anistia, liberdade aos escravos que haviam lutado ao lado dos farroupilhas e diminuição dos impostos no Rio Grande do Sul.

Você conhecia essa história? Comente!

Leia Também: