Curiosidades

Por que os castelos medievais tinham fossos?

Por que os castelos medievais tinham fossos?

Se você já assistiu a um filme, leu uma história ou simplesmente viu fotos de castelos medievais, provavelmente já deve ter notado que eles quase sempre apresentam uma escavação profunda no seu entorno que vive cheia de água. Chamado de “fosso”, esse detalhe arquitetônico não era projetado para servir a nenhum tipo de entretenimento ou algo parecido, mas sim como uma forma bastante inteligente de proteger o castelo dos ataques de inimigos.

Como mecanismo de defesa, os fossos eram muito eficazes. Alguns fossos cercavam o próprio castelo, enquanto outros fossos podiam cercar vários edifícios ou até mesmo uma pequena cidade. Embora geralmente sejam representados como tanques de água largos e profundos, os fossos também podiam ser apenas grandes valas secas. Os fossos cheios de água eram normalmente abastecidos por uma fonte próxima de água, como uma nascente, um lago ou um rio. Barragens também poderiam ser construídas para controlar o nível de água no fosso. Enquanto alguns fossos mais “requintados” contavam com uma estrutura de pedra, a maioria deles eram relativamente simples, feitos através de escavações no solo.

É importante destacar que os castelos sem fossos eram mais vulneráveis ​​a ataques vindos de baixo, já que os saqueadores frequentemente consideravam que a única maneira de surpreender os habitantes de um castelo era escavar sob o castelo e atacar através de caminhos subterrâneos. Com a criação dos fossos, o processo de escavação sob um castelo se tornou algo quase impossível. Quando os fossos estavam cheios de água, eles geralmente eram profundos o suficiente para dificultar o avanço dos invasores, que relutariam em tentar nadar pois sabiam que ficariam muito vulneráveis ​​aos ataques dos guardas do castelo.

De tempos em tempos, você também pode se deparar com histórias sobre fossos que continham jacarés ou crocodilos. Embora essas criaturas até pudessem fornecer uma linha extra de defesa, essas histórias são apenas mitos, já que seria quase impossível para esses animais sobreviverem em um fosso desse tipo. Por outro lado, os fossos frequentemente tinham enguias e peixes, pois os moradores do castelo criavam essas criaturas para usá-los posteriormente como alimento.

Sabia dessa? Compartilhe o post e deixe o seu comentário com a gente!

Leia Também: