Curiosidades

Por que a língua dos gatos é áspera?

Por que a língua dos gatos é áspera?

Apesar de compartilharem entre si um comportamento muito traiçoeiro e um tanto “egoísta” em determinados momentos, os gatos são animais que costumam ser bastante dóceis com seus donos. Se você tem ou já criou um gato de estimação, já deve ter recebido uma lambida carinhosa do bichano e percebido que a sua língua é bastante áspera. Mas afinal por que a língua dos gatos apresenta essa característica?

A língua dos gatos é áspera porque é coberta de papilas, que são pequenas protuberâncias em forma de gancho. Elas são muito semelhantes aos fios de cabelos e são feitas de queratina, que é o mesmo material encontrado nas unhas. Curiosamente essas papilas desempenham um papel importante na limpeza do gato. Se você tem um gato ou já passou muito tempo com um, já deve saber que esses animais tendem a ser bastante cuidadosos com os seus pelos. Muitos gatos passam bastante tempo cuidando de si mesmos. E como eles fazem isso? Se limpando com as tais papilas localizadas na língua, já que esses pequenos ganchos servem como uma espécie de pente para eles.

Essas papilas também são úteis quando esses animais saem para caçar e comer suas presas. Embora os gatos tenham mandíbulas relativamente fortes, as papilas fornecem uma ajuda extra ao manter as presas apertadas em suas bocas. Quando chega a hora de comer, as papilas também ajudam os gatos a pegar pequenos pedaços de comida que poderiam acabar sendo desperdiçados. Também vale destacar que a língua dos bichanos pode ser usada como uma espécie de colher para acumular a água que eles bebem. No entanto, apesar de ser um comportamento semelhante ao identificado nos cachorros, a obtenção de água através da língua dos gatos é feita com movimentos diferentes.

Infelizmente, existe uma certa desvantagem nesse método de limpeza felino que usa as papilas. Devido à sua forma, as papilas tendem a prender os pelos que se soltam, sendo que o que fica preso na língua do gato é geralmente engolido. É por isso que muitos gatos ocasionalmente precisam cuspir bolas de pelo que se acumularam na gargante ou até mesmo no estômago.

Interessante, não é mesmo? Compartilhe o post e deixe seu comentário!

Leia Também: