Curiosidades

Como funciona a dinamite?

A dinamite é um artefato explosivo muito utilizado nas indústrias de construção, mineração, e demolição. Inicialmente ela também chegou a ser usada como uma arma militar, mas o desenvolvimento de outras armas acabaram tornando-a obsoleta para esse fim. A dinamite foi inventada em 1867 por Alfred Nobel, sendo que sua invenção lhe rendeu uma vasta fortuna, o que lhe permitiu financiar o que se tornou um dos prêmios mais prestigiados do mundo: o Prêmio Nobel. Mas afinal, como a dinamite realmente funciona?

Antes da invenção da dinamite, alguns artefatos parecidos e que faziam o uso do composto químico nitroglicerina já existiam. O problema com a nitroglicerina, porém, é que ela é muito instável e perigosa para ser manuseada. A invenção de Nobel tornou a nitroglicerina muito mais segura. Ele conseguiu isso ao mergulhá-la em uma pedra macia e calcária chamada “diatomito”. Quando embebida em diatomito, a nitroglicerina era muito mais difícil de ser liberada e consequentemente se tornava mais segura de se manusear.

A dinamite é formada em bastões explosivos que apresentam um pavio e uma tampa de detonação. Quando o pavio é aceso, ele causa uma pequena explosão que atinge a tampa de detonação, de modo que quando a tampa explode, a nitroglicerina causa uma explosão muito maior. Apesar de algumas pessoas acreditarem que o pavio em chamas é o que ativa a nitroglicerina, uma dinamite pode ser queimada e mesmo assim não explodir, já que é a pequena explosão da cápsula de detonação o fator que realmente causa a explosão da nitroglicerina. Caso ela apresente falhas, a explosão não ocorrerá, ainda que exista uma fonte de calor no pavio.

Curiosamente, você pode já ter visto alguns explosivos que se parecem com dinamites rotulados com as letras “TNT” em filmes e desenhos animados. Essa sigla significa “trinitrotolueno”, que também é um explosivo, mas bastante diferente da dinamite, sendo que a principal diferença na prática é o fato da dinamite ser muito mais poderosa do que a TNT.

Sabia dessa? Compartilhe o post e deixe o seu comentário com a gente!

Leia Também: