Curiosidades

Qual é a raça canina mais veloz do mundo?

Qual é a raça canina mais veloz do mundo?

Diferentes raças de cachorros possuem reputações distintas. Algumas são conhecidas por seu brilhantismo ou capacidade atlética, enquanto outras são reverenciadas por sua boa aparência e personalidades amáveis. No entanto, quando se trata de velocidade pura, o galgo inglês é o que ganha as honras. O galgo inglês é a raça de cães mais veloz do mundo, conseguindo apresentar uma excelente aceleração em rajadas relativamente curtas. E o melhor de tudo é que, quando esses cachorros não estão correndo, eles também costumam ser muito amáveis.

Se analisarmos o seu crânio estreito com características aerodinâmicas e as almofadas de absorção de impacto localizadas na base dos seus pés, podemos concluir facilmente que essa raça se desenvolveu perfeitamente para atingir altas velocidades. Além disso, o corpo esbelto em forma de um “S invertido” criado pela projeção do seu peito curvado em uma cintura bem apertada, tem sido um objeto de admiração por artistas, poetas e reis desde que os humanos se consideram civilizados.

Para se ter uma ideia da sua eficiência energética, um galgo inglês pode chegar a velocidade máxima de 72 km/h em seus primeiros seis passos! O guepardo é o único outro animal terrestre que conta com esse grau de aceleração. Os galgos ingleses são os membros mais velozes de uma família de cães de caça chamada “hounds”, já que o trabalho deles é localizar a presa à distância e em seguida correr para derrubá-la. Outras raças de cães de caça semelhantes incluem os whippets, os salukis e os galgos afegãos, de modo que todos eles têm um enorme peitoral, coração grande e uma cintura estreita que lhes permite dobrar o corpo de modo que cada passada os leve a atingir distâncias maiores do que o comprimento total do seu corpo.

Embora os galgos sejam conhecidos pelas suas habilidades em corridas de velocidade, eles podem muito bem estabelecer um ritmo fixo de aproximadamente 35 km/h para percorrer distâncias de até 11 quilômetros. Ou seja, essa raça definitivamente não nasceu para ficar em casa no conforto do sofá.

E você, já tinha ouvido falar nessa raça? Compartilhe o post e deixe o seu comentário!

Leia Também: