Curiosidades

10 fatos curiosos sobre o Karatê

O karatê é uma das artes marciais mais populares do mundo. Em sua essência, o Karatê é uma arte impressionante que utiliza socos, chutes, golpes de joelho, cotoveladas e técnicas de mão aberta que são capazes de deixar qualquer um de boca aberta. De fato, o karatê é tão incrível que já serviu como tema de várias produções cinematográficas. Conheça a seguir alguns fatos curiosos sobre a história e as características dessa arte marcial lendária.

1. Ao contrário do que muita gente imagina, essa arte marcial não foi inventada na China. Pelo contrário, ela surgiu na ilha de Okinawa, no Japão.

2. A sua história começa no século XIV. Nesta época, os líderes samurais do Japão haviam imposto uma proibição a todas as armas. Como resultado, as pessoas mudaram seu foco para a arte do combate corpo-a-corpo.

3. A palavra “karatê” significa “mão vazia”. Essa arte marcial recebeu este nome porque envolve o uso rápido de mãos durante um combate extremo.

4. O uniforme utilizado no karatê é chamado formalmente de “karategi” ou simplesmente “gi”. Você pode encontrá-lo mais facilmente na cor branca, que é considerada a cor tradicional, mas na era moderna as pessoas passaram a experimentar outras cores, como azul, vermelho e até mesmo o preto.

5. A faixa preta é a faixa que representa o maior nível no karatê. A ordem das cores das graduações podem variar a depender do estilo de luta, mas no geral tudo começa com a faixa branca, que simboliza a pureza do representante, enquanto que o preto representa a última graduação pois envolve todos os conhecimentos apurados ao longo de vários anos de treinamento. A ordem das faixas mais utilizada é: branco, amarelo, laranja, verde, azul, roxo, marrom, vermelho e preto.

6. O karatê começou apenas com o estilo original de Okinawa. No entanto, anos mais tarde, os japoneses patentearam vários estilos próprios. Com a popularização da arte marcial no mundo, várias escolas começaram a nomear os seus próprios estilos de acordo com o nome da escola ou o nome do mestre, dando origem a muitos sub-estilos diferentes.

7. Alguns dos estilos mais conhecidos são o estilo Wado-Ryu, que combina os movimentos do Jiu-jitsu com as técnicas de karatê de Okinawa, e o estilo Uechi-Ryu, que combina o karatê de Okinawa com as táticas chinesas de artes marciais.

8. Como essa arte marcial envolve um combate corpo-a-corpo que até pode ser letal, muitas vezes é necessário proteger a cabeça e a virilha com protetores específicos. Protetores de braço, peito e perna também estão disponíveis.

9. A Federação Mundial de Karatê estima que existem 100 milhões de praticantes em todo o mundo.

10. Esta arte marcial não se resume apenas em dar socos e pontapés. O karatê envolve muito treinamento estratégico e fortalecimento muscular. Durante a sua prática, a força do praticante aumenta a sua velocidade de produzir as rápidas explosões de energia necessárias para superar o oponente. Um bom mestre sempre terá tempo para treinar o corpo dos seus alunos completamente.

Uma arte marcial muito interessante, não é mesmo? Compartilhe o post e deixe o seu comentário!

Você também pode gostar de