Conecte-se conosco

Oi, o que você está procurando?

Curiosidades

O que é Hanseníase?

Popularmente conhecida como Lepra, a Hanseníase é uma infecção causada por bactérias. Hoje vou te contar mais sobre isso.

O que é Hanseníase?

É uma doença crônica, transmissível, causada pela bactéria Mycobacterium leprae. Ela pode afetar pessoas de todas as idades e ambos os sexos. Antes conhecida somente por Lepra, o termo “hanseníase” foi dado em homenagem ao médico norueguês Gerhard Armauer Hansen, que foi o responsável por descobrir a causa da doença em 1873.

A Hanseníase é transmitida entre as pessoas através de secreções, como a saliva e o muco nasal. Ela é transmitida ao tossir, falar, espirrar ou beijar. Diferentemente da crença popular, ela não é uma doença altamente contagiosa, como a Peste Negra, por exemplo.

A Hanseníase na história

A Hanseníase hoje tem cura. Essa doença foi relatada há mais de 3000 anos atrás. Ao longo da História, ela foi considerada uma praga enviada pelos deuses  e os “leprosos” foram excluídos da sociedade.

A má nutrição e falta de saneamento básico, que era comum na maior parte dos povos, contribuiu grandemente para a alta incidência de Lepra naquela época. A melhora sócio-econômica da população foi responsável pela grande queda no número de novos casos da doença.

Propaganda. Role para continuar lendo.

Leia também: Conheça o Hospital Colônia de Itapuã, exílio para pacientes de Lepra

A Hanseníase chegou na América do Sul através dos invasores coloniais e também dos escravos africanos. Por muitos anos a doença foi incurável, o que fazia a população ter medo dos doentes. A terapia multi-droga, usada hoje para curar a doença, foi descoberta em 1981 pela Organização Mundial da Saúde.

Sintomas da doença

  • Aparecimento de caroços ou inchaço nas orelhas, mãos e cotovelos.
  • Manchas esbranquiçadas, avermelhadas ou pardas na pele.
  • Alteração de temperatura nos locais onde têm manchas.
  • Perda de sensibilidade em algumas partes do corpo.

  • Dormência em algumas regiões do corpo.
  • Fraqueza e perda de sensibilidade nos pés, mão e rosto.
  • Comprometimento dos nervos periféricos.

Tratamento

O tratamento é feito com o uso de antibióticos durante seis meses ou um ano, dependendo do caso. A medicação é distribuída gratuitamente pelo Ministério da Saúde do nosso país.

Atenção

O tratamento embora longo é eficaz. Desde a primeira dose do medicamento a doença não é mais transmitida. É indicado que todos os familiares e pessoas próximas ao doente passem por avaliação médica, para avaliar a possibilidade de mais um caso da doença. Não é necessário se afastar dos portadores da doença. Como falado anteriormente, ela não é altamente contagiosa e tem cura.

Você conhecia as características dessa doença? Conta pra nós!

Propaganda. Role para continuar lendo.

Leia Mais

Bizarro

“O que você quer ser quando crescer?” é muito comum ouvirmos essa pergunta quando ainda somos criança e logo pensamos em inúmeras possibilidades, porém...

Curiosidades

Você com certeza já deve ter assistido à algum jogo de futebol na vida, certo? Ok, então acho que você também reparou que quando...

Curiosidades

Os restaurantes fast food são bastante frequentados, principalmente para quem precisa fazer um lanche de baixo custo e delicioso. existem diversos desses restaurantes espalhados...

Curiosidades

Desde pequenos estamos acostumados a ouvir perguntas do tipo: “O que você quer ser quando crescer?” e consequentemente começamos a pensar sobre isso. Mas...

Bizarro

A Noiva Cadáver é uma das animações mais famosas do mundo e um dos trabalhos mais conhecidos do Tim Burton. Mas se você nunca...