Curiosidades

Conheça a ciclovia que promete um verdadeiro passeio entre as águas

Conheça a ciclovia que promete um verdadeiro passeio entre as águas

Você já parou para pensar que um simples passeio de bicicleta pode se tornar uma atividade extremamente divertida e saudável? Quando se trata de um passeio ciclístico, lugares como a orla da praia ou parques botânicos são geralmente os mais escolhidos. No entanto, existe uma espécie de ciclovia na Europa que proporciona um passeio ciclístico literalmente “entre as águas”. Não entendeu? Calma que a gente vai explicar!

Através de um grande lago na reserva natural de De Wijers, na província de Limburgo, na Bélgica, é possível avistar uma ciclovia que “atravessa as águas” em vez de “passar por cima”, como seria o jeito mais tradicional. O caminho de concreto de 212 metros foi construído abaixo do nível da água e possui uma profundidade baixa o suficiente para colocar os olhos dos ciclistas de plantão exatamente ao nível da água circundante.

Dois aterros de um metro e meio de altura em ambos os lados da ciclovia mantêm a água da lagoa separada da ciclovia, enquanto os túneis subterrâneos abaixo da pista de ciclismo garantem que os anfíbios e as outras formas de vida aquática que habitam a lagoa possam se mover livremente entre as duas seções, sem sofrer com qualquer tipo de obstáculo proveniente da construção. Desde a sua inauguração em 2016, o “Cycling Through Water” (“Pedalando Através da Água” em português) provou ser um sucesso, tanto entre os turistas quanto entre os próprios moradores locais. De fato, estima-se que centenas de milhares de pessoas percorrem a ciclovia todos os anos.

Vale destacar que o objetivo do projeto sempre foi impulsionar o turismo de bicicleta em Limburgo, que já é um paraíso ciclístico na região da Flandres, na Bélgica. Cerca de 25 anos atrás, o governo de Limburgo já havia construído uma rede de cruzamentos de ciclismo para conectar diferentes rotas de bicicleta entre si. Andar de bicicleta pela água é apenas uma dessas várias junções que conectam duas redes de rotas de bicicletas. Até recentemente, a reserva natural De Wijers, que contém cerca de 700 hectares de lagoas e vários locais histórico-culturais, não podia ser totalmente explorada de bicicleta, o que motivou a remodelação da região.

Ao criar locais propícios para a prática de um ciclismo de alta qualidade como o projeto Cycling Through Water, os desenvolvedores agora querem colocar Limburgo em destaque como um verdadeito paraíso para os ciclistas, atraindo ainda mais turistas fanáticos por bicicletas provenientes do exterior.

Lugar muito interessante, não é mesmo? Compartilhe o post e deixe o seu comentário!

Leia Também: