Curiosidades

Qual a origem do cachorro-quente?

Qual a origem do cachorro-quente?

O ramo de alimentação tem crescido ao longo do tempo e isso acaba refletindo bastante positivo para muitos empreendedores que decidem investir pesado nesse mercado. Muitas comidas mesmo sendo antigas, não são ofuscadas com o passar do tempo e permanecem no gosto popular, criando também possibilidades de reinvenção.

Na semana passada falamos aqui no TriCurioso sobre a origem da coxinha, esse salgado brasileiro que é uma delícia, seguindo a mesma temática, hoje iremos iremos descobrir como surgiu o cachorro-quente, o famoso sanduíche de salsicha que encanta desde as crianças até os mais velhos.

Qual a origem do cachorro-quente?

Bom, não dá para definir ao quando exatamente alguém teve a brilhante ideia de colocar uma salsicha em um pão e vender ou distribuir, isso porque todos os dias alguém cria alguma novidade culinária e acaba não viralizando imediatamente, porém existe uma versão que é bastante aceita pelos especialistas.

Origem do alimento

Anton Feuchtwanger era um alemão que vivia na cidade americana de Saint Louis, em Missouri. No início da década de XX, o homem comercializava salsichas quentes durante uma exposição, porém não existia nada que os clientes pudessem segurar o alimento e assim, evitar queimar as mãos.

Qual a origem do cachorro-quente?

Anton logo pensou numa solução brilhante, ele passaria a fornecer luvas para que os clientes pudessem se alimentar tranquilamente, contanto que depois devolvessem, porém ele percebeu que muitas luvas acabavam não voltando, o que começou a dar prejuízo para o seu negócio e cá entre nós, ninguém gosta de ver as coisas dando errado, não é mesmo?

O alemão então pensou em falar com seu cunhado que era padeiro para que ele fabricasse pães compridos no qual as salsichas coubessem perfeitamente, então assim o nosso cachorro-quente ganhou um formato, porém ele ainda não possuía esse nome.

Qual a origem do cachorro-quente?

Origem do nome

Em 1906, o americano Harry M. Stevens vivia das vendas que fazia em um estádio de futebol. Certo dia quando ele estava trabalhando, estava fazendo um frio enorme, assim, Harry não conseguia vender os sorvetes e refrigerantes que tinha disponíveis, para não perder um dia de vendas, ele teve a ideia de pedir a um de seus empregados para comprar todas as salsichas e pães que achasse, isso porque ele já tinha visto a invenção de Anton.

Com as salsichas e os pães nas mãos, Harry usou um tanque de água portátil para manter as salsichas quentes, então começou a passar no meio do povo gritando “Estão bem quentes! Compre as suas salsichas dachshund enquanto estão bem quentes” o sucesso foi imediato, principalmente por conta do termo “dachshund” que como sabemos, é uma raça de cachorro.

Qual a origem do cachorro-quente?

Com o sucesso das vendas, Thomas Aloysius Dorgan achou que o produto merecia um nome melhor, então decidiu chamá-lo de “hot-dog” e deu muito certo. As autoridades locais chegaram a proibir o uso do nome hot-dog, isso porque acreditavam que as pessoas poderiam achar que a salsicha fosse feita com carne de cachorro, mas ninguém deu muita atenção à proibição.

Interessante, não acha? Não esquece de comentar e compartilhar esse post!

Leia Também: