Curiosidades

5 guerras que foram interrompidas por motivos inusitados

5 guerras que foram interrompidas por motivos inusitados

Os campos de batalhas costumam ser alguns dos locais mais agitados do planeta, afinal, eles são lugares onde o foco principal dos combatentes é manter a própria vida enquanto lutam por seus ideais. Assim, qualquer tipo de distração nesses locais já é suficiente para mudar o rumo de grandes guerras.

Por via de regra, uma vez iniciadas, as guerras devem continuar até que um vencedor seja finalmente decidido. No entanto, os campos de batalha muitas vezes se deparam com eventos tão estranhos e tão intrigantes que o espetáculo resultante pode cancelar ou interromper temporariamente a guerra enquanto os soldados ficam boquiabertos diante de tal estranheza na frente deles.

Para entender melhor, listamos aqui alguns casos verdadeiros de eventos pra lá de inusitados que já foram capazes de interromper grandes batalhas. Você vai ver que guerras e eventos bizarros sempre andaram de mãos dadas!

5. A guerra que foi interrompida por conta de um piquenique

No início da Guerra Civil Americana, a primeira grande batalha ocorreu perto de Centreville, no Estado da Virgínia. O resultado esperado era uma vitória fácil para o Exército da União e uma rápida derrota para os Confederados. De fato, isso era tido como tão certo que muitas pessoas resolveram fazer piqueniques em um local bem próximo de onde ocorreria a batalha. Algumas dessas pessoas incluíam até senadores e congressistas!

Mas em vez de uma vitória fácil para a União, o Exército Confederado acabou quebrando as linhas adversárias e forçou muitos soldados rivais a fugirem direto para o local do piquenique, onde a guerra seria interrompida temporariamente.

4. A guerra que foi interrompida antes mesmo de começar por causa de um meteorito

Durante a Terceira Guerra Mitridática, que foi levada adiante pelo Império Romano contra Mitrídates VI, rei de Ponto, um político romano chamado Lúculo fez questão de insultar o seu oponente. Lúculo disse que seu rival era como um caçador tão covarde que só entraria no covil de um animal se o local estivesse vazio, não sendo corajoso o suficiente para enfrentar a criatura.

Depois de lançar o insulto “na cara dura”, Lúculo traçou linhas estratégicas de batalha com os seus 30.000 soldados a pé e suas unidades de cavalaria. No entanto, assim que ele estava prestes a encontrar o inimigo numericamente superior, algo estranho aconteceu. O céu se abriu e um meteorito caiu entre os dois exércitos. O evento em questão foi tão inusitado que ambos os exércitos concordaram em não lutar, fazendo com que a batalha nunca tivesse um início.

3. A guerra que foi interrompida por um feriado

Esta talvez seja a mais famosa interrupção em guerras de todos os tempos. No período da Primeira Guerra Mundial, uma trégua foi proposta em homenagem ao feriado de Natal, ainda que nenhuma trégua formal tivesse sido adotada por qualquer participante oficial da guerra. Em vez disso, os próprios soldados em alguns locais proporcionaram a trégua uns com os outros.

Começando com músicas cantadas nas trincheiras de uns para os outros, os dois lados opostos acabaram até se encontrando totalmente desarmados. Isso levou a apertos de mão, trocas de presentes e até partidas amistosas de futebol. Essa trégua espontânea aconteceu no início da guerra e não se repetiu nos últimos anos por causa de ameaças de ação disciplinar emitidas pelos oficiais superiores.

Ainda assim, é interessante pensarmos que, por um breve período de tempo, uma das maiores guerras da história chegou a ser interrompida por abraços, músicas, partidas de futebol e pudins de ameixa. Quem diria…

2. A guerra que foi interrompida pelo retorno de um soldado que havia ido ao banheiro

Em 1937, as relações entre a China e o Japão eram bastante tensas. O exército japonês frequentemente se exibia em meio a assentamentos chineses durante exercícios militares que aparentemente tinham o objetivo de desestabilizar os chineses e mostrar o poderio militar do Japão. No entanto, algo bizarro aconteceu durante uma dessas exibições em torno da cidade chinesa de Wanping, quando um certo soldado japonês “sentiu o chamado da natureza”.

O soldado em questão, um excêntrico cidadão chamado Shimura Kikujiro, sentiu-se obrigado a fazer uma pausa não programada para ir ao banheiro. No entanto, quando Kikujiro voltou após ter “finalizado o serviço”, ele logo percebeu que seus compatriotas já haviam partido. Quando o exército japonês chegou ao acampamento e percebeu que Kikujiro estava desaparecido, eles voltaram a Wanping e realizaram a busca pelo seu soldado. O problema é que o acesso foi negado por parte dos chineses, de modo que isso levou a negociações cada vez mais hostis que terminaram em uma preparação para um ataque dos japoneses contra a cidade.

Depois que os primeiros tiros foram disparados, o soldado Shimura Kikujiro finalmente apareceu, o que deu uma curta trégua no conflito. No entanto, como a batalha já havia começado, os soldados de ambos os países logo voltaram a guerrear. Curiosamente, alguns historiadores apontam que essa batalha foi uma responsável indireta do desencadeamento da Segunda Guerra Sino-Japonesa, que durou até o final da Segunda Guerra Mundial, em 1945.

1. A guerra que foi interrompida por um enxame de abelhas

Durante a Primeira Guerra Mundial, na África Oriental até então controlada pela Alemanha, as forças britânicas lideradas pelo major-general Arthur Aitken atacaram o porto de Tanga. No entanto, as forças britânicas acabaram enfrentando vários contratempos, muito por conta de suas tropas compostas por soldados mal treinados e pelas poucas informações precisas sobre seus inimigos.

Mas como se todos esses fatores não bastassem, um outro evento também veio a atrapalhar ainda mais o andamento dos combates entre as forças alemãs e britânicas: um enxame de abelhas. Durante a batalha, uma grande colônia de abelhas ficou tão agitada que acabou atacando os dois lados combatentes, causando uma interrupção do conflito enquanto os alemães e os britânicos fugiam dos insetos.

No dia seguinte, as forças de Aitken ainda estavam em desordem, mas embora as abelhas tenham causado tal interrupção, elas dificilmente foram as principais culpadas pelo ataque fracassado, basta relembrarmos os fatores citados anteriormente.

Quem diria que grandes batalhas de guerras históricas poderiam ser interrompidas por razões tão incomuns, não é mesmo? Compartilhe o post e deixe o seu comentário!

Leia Também: