Curiosidades

Conheça os carros mais raros do mundo

Conheça os carros mais raros do mundo

É bem comum a gente ouvir falar bastante sobre os carros de produção mais populares em todos os segmentos, não é mesmo? Mas e aqueles em que você não consegue colocar as mãos? Aqueles que são os carros mais exclusivos, criados pelos seus fabricantes como peças únicas ainda no século passado?

Por motivos óbvios, a escassez de um produto tende a aumentar o seu valor e a mesma coisa acontece nos carros. Além disso, o ato de obter algo que ninguém mais pode possuir traz consigo todo um fascínio especial e é por isso que os carros mais raros tendem a apresentar os preços mais altos nos leilões. Hoje, nós vamos analisar os modelos de carros mais raros e únicos já criados, dos quais você provavelmente nunca ouviu falar, porque eles nem sequer estão mais em produção.

Ao longo desse post, você vai ver que alguns foram criados com grandes planos para o futuro, enquanto outros nasceram apenas como uma demonstração extravagante da engenhosidade e competência de uma empresa. Mas seja lá qual for o caso, os carros desta lista são todos raros e cada um deles representa um pequeno pedaço da parte menos conhecida do setor automotivo. Confira!

6. Porsche 916

Aposto que você nunca viu um desses antes! Introduzido em 1972, o 916 é, na verdade, um irmão mais velho do agora icônico 911. Curiosamente o Porsche 916 fracassou devido ao alto preço que apresentava. Por esse motivo, agora ele é considerado um dos modelos Porsche mais raros já criados, com uma produção que resultou em apenas 11 unidades.

Embora não tenha obtido sucesso nas vendas, esse carro apresenta uma configuração invejável para os veículos do seu tempo. Considerando que ele foi criado nos anos 70, o 916 tem um design interessante e um motor 2.4L mais do que decente, produzindo 190 cavalos de potência e garantindo uma velocidade máxima de 230 km/h.

5. Aston Martin DBR1

Mesmo depois de 60 anos após a vitória nas 24 horas de Le Mans, o DBR1 ainda é considerado o pináculo dos carros de alto desempenho da Aston Martin. Em praticamente todos os quesitos, esse carro pode ser considerado uma verdadeira obra-prima clássica, tendo sido montado por uma equipe pequena e focada de engenheiros para superar todos os outros carros da época.

Hoje, o DBR1 serve como um monumento às conquistas da Aston Martin, com apenas 5 modelos existentes. Um deles foi vendido em um leilão de Monterey realizado em 2017 pela RM Sotheby’s por impressionantes US $ 22,5 milhões, tornando-se o carro britânico mais caro a ser vendido em um leilão.

4. Maybach Exelero

Embora represente o que há de melhor no mundo de luxo e de extravagância da fabricante de veículos alemã Maybach, o Exelero foi, na verdade, criado com o único objetivo de testar o desempenho de pneus. Pois é, quem diria que um carro assim foi criado apenas para testar pneus, não é mesmo?

Sob o capô do Exelero, esconde-se um motor V12 igualmente imenso de 5.9L e 700 cavalos de potência que transforma este “iate terrestre” em um supercarro capaz de atingir uma velocidade máxima desconcertante de 350 km/h. Existe apenas um Exelero, que é de propriedade do rapper Birdman, que o comprou em 2011 pelo preço de US $ 8 milhões.

3. Icona Vulcano Titanium

O Icona Vulcano Titanium que você vê na imagem acima é o primeiro carro a ser totalmente construído em titânio. Para fabricar esse veículo, foram necessárias mil horas de marteladas para obter o titânio notoriamente resistente na forma desejada.

Porém, essa não é a única característica exclusiva e definidora do Volcano Titanium. Ele é um hipercarro de US $ 3,8 milhões cuja produção se resume a um único veículo desse tipo. O Volcano ostenta um motor V8 de 6.2L que praticamente “entra em erupção” com 670 cavalos de potência, uma força capaz de levar o carro de 0 a 100 km/h em apenas 2,8 segundos, eventualmente atingindo uma velocidade máxima de 220 km/h. Incrível, não?

2. Aston Martin Bulldog

O Bulldog é um daqueles carros conceituais com aparência incomum que davam um ar futurista aos anos 70. Influenciada pelas tendências automotivas dos anos 70 lideradas por Lamborghini Countach e Lancia Stratos, a Aston Martin decidiu criar algo totalmente novo e fora do comum em 1979. O resultado foi um conceito de supercarro que mais parecia um veículo remanescente de um set de filmes de ficção científica.

Inicialmente, os engenheiros da Aston Martin chamavam essa “nave alienígena” de Projeto K.901. Mais tarde, o apelido Bulldog acabou prevalecendo, pois o carro era mais “bestial” do que qualquer um de seus concorrentes. Dentro dele, o pessoal da Aston Martin colocou um motor V8 de 5.3L twin-turbo com 600 cavalos de potência, o que no fim das contas conferia uma velocidade máxima de mais de 300 km/h para o Bulldog.

No papel, a Aston Martin até chegou a imaginar que o Bulldog poderia chegar a 380 km/h, o que o colocaria à frente de todos os Martins modernos. No entanto, as mudanças na liderança da empresa resultaram em apenas um único veículo saindo da linha de produção. Vale destacar que esse carro ainda está por aí em algum lugar nos dias de hoje, pois foi comprado em 2011 por US $ 1,3 milhão.

1. Ferrari 250 GT Spyder Convertible

Existem vários 250 GT, mas apenas um conversível. E é exatamente isso que o torna tão especial. Este conversível é de propriedade de um colecionador de carros chamado Bob Lee, que o comprou por US $ 9.500 do grande Enzo Ferrari em 1956 no New York Auto Show. O interessante é que o custo para produzir o carro foi de cerca de US $ 20.000, ou seja, Lee mal pagou pelo custo de fabricação do carro, especialmente considerando que essa é a Ferrari mais rara do mundo, hoje estimada em US $ 10 milhões.

Talvez Enzo soubesse exatamente o que estava fazendo quando entregou o carro a Lee, possivelmente reconhecendo ele como um proprietário adequado para sua premiada Ferrari. E, de fato, o carro permaneceu na posse de Lee por mais de 60 anos, exatamente do mesmo jeito como no dia em que foi comprado.

E você, já tinha ouvido falar em algum dos carros listados aqui? Compartilhe o post e deixe o seu comentário!

Leia Também: