Curiosidades

Quais são as franquias mais caras do Brasil?

Quais são as franquias mais caras do Brasil?

Conforme o tempo vai passando, novos empresários vão surgindo, no geral eles são pessoas que desejam crescer profissionalmente e principalmente financeiramente. No mundo dos negócios é indispensável que estratégias sejam criadas e muitas vezes um negócio literalmente novo pode não dar certo e por isso alguns empresários optam por adquirirem uma franquia.

As franquias estão se tornando cada vez mais populares e isso resulta na valorização delas. Certamente você conhece várias franquias, certo? Bom, a ABF (Associação Brasileira de Franchising) divulgou uma lista com as franquias mais cara do Brasil e vamos conhecer 5 delas agora mesmo.

Quais são as franquias mais caras do Brasil?

  1. AccorHotels – A ArccorHotels abriu o seu primeiro hotel em 1967 na cidade francesa de Lille e desde então a rede só fez crescer. Em 1975 ela comprou a rede de hotéis Mercure e em 1980, a  Sofitel. Atualmente a rede é uma das maiores (se não a maior) do ramo hoteleiro do mundo, em 2009 ela foi eleita pelo Great Place to Work institute como a sexta maior empresa para se trabalhar no Brasil. Em 2014, a Accor contava com 3762 hotéis e ao todo operava em 94 países ao redor do mundo. Atualmente a Accor é a rede de franquias mais cara do Brasil, para se ter ideia, o investimento mínimo necessário é de R$ 8.320.000,00 e o máximo, R$ 36.525.000,00;

    Quais são as franquias mais caras do Brasil?

  2. Hotel 10 – A rede Hotel 10 foi inaugurada em 2003, com o intuito de oferecer uma hospedagem padronizada, confortável e econômica. Atualmente existem 10 hotéis da rede espalhados pelo Brasil e mais 2 inaugurarão em breve. Todos os hotéis da rede são certificados com o selo de excelência do TripAdvisor e são considerados alguns dos melhores hotéis do Brasil. Para que seja aberta uma franquia do Hotel 10, é necessário um investimento mínimo de R$ 7.600.00,00 ou máximo de R$ 14.720.000,00;

    Quais são as franquias mais caras do Brasil?

  3. Regus – Fundada por Mark Dixon em 1989, a Regus é uma empresa multinacional que oferece espaços de trabalho e escritórios prontos em Business Centers em todo o mundo. E empresa chegou ao Brasil em 1994 e atualmente conta com 46 centros de negócios que estão distribuídos em 11 cidades, sendo a sede na Vila Olímpia, em São Paulo. A Regus é no momento a terceira franquia mais cara do Brasil, sendo necessário um investimento mínimo de R$ 3.200.000,00 ou máximo de R$ 10.200.000,00;

    Quais são as franquias mais caras do Brasil?

  4. McDonald’s – Fundada em 1955 por Maurice McDonald e Richard McDonald, a empresa é atualmente uma das maiores redes de fast food do mundo. A McDonald’s serve cerca de 68 milhões de clientes por dia em 119 países por meio de 37 mil pontos de venda. Segundo um relatório de 2012 feito pela BBC, o McDonald’s é o segundo maior empregador privado do mundo, perdendo apenas para o Walmart. Uma franquia da McDonald’s necessita de um investimento mínimo de R$ 2.500.000,00 ou máximo de R$ 4.180.000,00;

    Quais são as franquias mais caras do Brasil?

  5. Selfit – Fundada em 2012 na cidade do Recife por Nelson Lins e Leonardo Pereira (atual CEO), a Selfit é atualmente uma das redes de academia que mais cresce no Brasi e possui franqueados distribuídos em 14 estrados brasileiros. A empresa continua em expansão e atualmente para abrir uma franquia é necessário que haja um investimento mínimo de R$ 1.800.000,00 ou máximo de R$ 3.850.000,00.

    Quais são as franquias mais caras do Brasil?

Le Biscuit, Taco Bell, Algar Telecom, Fórmula Academia, Ragazzo, Limura, L`Entrecote de Paris, Maple Bear, Steak House, Ri Happy, Mania de Churrasco! Prime Steak House, Berlitz, Oculum, Smart Fit e Richards completam a lista das 20 franquias mais caras do Brasil. 

Gostou da matéria de hoje? Comenta aqui em baixo e não esquece de compartilhar esse post!

Leia Também: