Curiosidades

Como surgiram as primeiras meias?

Como surgiram as primeiras meias?

Todos os dias você acorda, toma banho e ao se vestir, coloca um limpo e cheiroso par de meias para poder calçar seu sapato, tênis, bota o outros. Porém, você já parou para pensar em como surgiram as primeiras meias? Não é estranho perceber que um dia elas simplesmente não existiam? Pois bem, vamos descobrir agora a história das meias.

Segundo o Livro das Invenções escrito por Marcelo Duarte, as primeiras meias foram inventadas pelas mulheres gregas cerca de 600 a.C. Chamadas de ‘sykhos’, as primeiras meias eram semelhantes a sapatos baixos como sandálias, porém cobriam os dedos e o calcanhar. Durante este período apenas as mulheres utilizavam o acessório, isso porque era considerado vergonhoso para os homens.

Após, em Roma, as mulheres também começaram a utilizar este adereço que era feito de couro macio, por lá, ela foi batizada de ‘soccus’. Então, quando os ango-saxões levaram o moderno acessório às ilhas britânicas, foi descoberto por eles que se utilizassem a ‘soccus’ dentro de uma bota, seus pés ficariam protegidos, assim dando origem a peça que utilizamos todos os dias até hoje.

Em 1589 um inglês chamado William Lee criou a primeira máquina para fazer meias, porém infelizmente não fez muito sucesso na época. Porém, alguns anos depois a primeira fábrica de meias surgiu na França, em 1656. Até 1700 já haviam cerca de 32 fábricas de meias e assim, o acessório explodiu pela Europa. Com o tempo começaram a ser fabricadas com outros materiais como a seda, por exemplo, e também em outros formatos sendo mais longa, mais curta, etc.

Incrível que este artefato tenha sido criado durante a era grega e tenha se atualizado e modernizado até os dias de hoje, não acha? Percebeu o valor histórico que um simples par de meias possui? Comente!

Leia Também: