Bizarro, Curiosidades

As esculturas e obras do futuro distópico de HR Giger

hrgiger obras esculturas obscuras futurista distópico tricurioso04
H.R. Giger: A mente por trás de Alien.

H.R. Giger  é um nome renomado por sua arte extraterrestre e fantástica, que pode ser reconhecida de longe. Para quem não consegue lembrar de suas obras pelo nome, vou citar apenas o nome de um personagem que deu título a uma grande obra de terror/ficção científica dos cinemas: Alien.

hrgiger obras esculturas obscuras futurista distópico tricurioso02

Hans Rudolf Giger, ou simplesmente H.R. Giger, nasceu em  5 de fevereiro de 1940 em Coira, Suíça. Foi um grande artista plástico suíço que produziu obras tanto no campo da pintura e escultura, quanto para o design de comunicação (incluindo capas de álbuns para renomadas bandas, conforme veremos a seguir) e de interiores e cinema. Seu trabalho une obscuridade e referências a sexo e mecânica, esta última sendo aplicada em seus desenhos com maestria singular, pois também se formou em desenho industrial e arquitetura na cidade de Zurique, na Suíça.

hrgiger obras esculturas obscuras futurista distópico birthmachine tricurioso

Obra “Birth Machine

Giger começou suas obras em 1964, fazendo pinturas em óleo sobre tela e conseguiu montar na primeira exibição de seus trabalhos em 1966, seguida da distribuição destas em forma de posteres, em 1969.

hrgiger obras esculturas obscuras futurista 1966 distópico tricurioso

Em suas primeiras obras, Giger já mostrava para que veio ao mundo.

hrgiger obras esculturas obscuras futurista distópico auto retrato tricurioso

Self-portrait

Seu livro mais famoso, “Necronomicon“, foi publicado em 1977 e serviu de inspiração para o filme Alien, de Ridley Scott, este, que ganhou o Oscar no ano de 1980 na área de efeitos visuais e pelo desenho envolvido no personagem que dá nome à obra, somado a todos os cenários e ambientes extraterrestres. O estilo do artista foi batizado pelo mesmo de “Biomecânico“.

hrgiger obras esculturas obscuras futurista distópico tricurioso03

Giger também trabalhou com pessoas do ramo musical, criando tanto esculturas, como pinturas e desenhos que foram usados nas capas de álbuns de bandas como Emerson, Lake & Palmer, os punks do Dead Kennedy’s, o trabalho solo do ex-vocalista dos Misfits, Glenn Danzig, dentre outros, como um pedestal para o microfone do vocalista da banda Korn, Jonathan Davis.

hrgiger obras esculturas obscuras futurista distópico altars of madness tricurioso

Altars of Madness“, obra usada na capa do álbum “To Mega Therion“, da banda Celtic Frost.

 

hrgiger obras esculturas obscuras futurista distópico elp emerson lake and palmer brain salad surgery tricurioso02

Obra utilizada como capa do álbum “Brain Salad Surgery“, da banda Emerson, Lake and Palmer. na capa do disco em vinil, a primeira figura que se vê é a da esquerda, com a parte do círculo recortada, na qual vemos uma boca. Quando aberta, vemos a figura da direita.

hr_giger_covercarcass tricurioso

“Life Support 1993”, também capa do álbum “Heartwork“, da banda Carcass.

 

hrgiger obras esculturas obscuras futurista distópico danzig how the gods kill tricurioso

Capa do álbum “How The Gods Kill” de Danzig.

 

SACRAMENTO, 23 Oct 2016: Jonathan Davis’ mic stand, designed by HR Giger: Korn, performing at Aftershock Festival, Discovery Park, Sacramento

Prato cheio para quem gosta e quer entender mais sobre arte obscura. Curtiu? Comente aí pra gente!!

Participe! Deixe seu comentário...

Hospedagem de Sites e Blogs

Você também pode gostar de