Curiosidades

Para que serve a cera do ouvido?

Para que serve a cera do ouvido?

Pegajosa, grudenta e muitas vezes amarelada, a cera do ouvido é considerada um grande incômodo que as pessoas costumam remover com frequência. Seja por meio de cotonete (um método imprudente e até perigoso) ou por um otorrinolaringologista, as pessoas não medem esforços para deixar os seus canais auditivos totalmente desobstruídos. Mas será que a remoção de cera do ouvido é uma boa ideia? E, afinal, por que o nosso ouvido produz essa cera, já que ela é tão incômoda e sempre acaba sendo removida?

A cera do ouvido, também conhecida formalmente como cerúmen, é feita a partir de uma mistura de ácidos graxos de cadeia longa, alcoóis, colesterol e o composto químico esqualeno. Ela é produzida por glândulas no canal auditivo externo para impedir que a poeira, bactérias, insetos e outros agentes externos se infiltrem no canal e danifiquem as peles sensíveis dos ouvidos externo e interno.

Embora seja incrivelmente benéfica para a saúde do ouvido, a superprodução de cera pode causar um impacto negativo ao impedir que as ondas sonoras atinjam o tímpano na frequência correta. O uso de cotonetes para limpar a cera, apesar de muito popular, pode levar a outros problemas, como o deslocamento da cera para dentro do canal auditivo interno. Esse simples movimento, que pode parecer inofensivo à primeira vista, tem o potencial de causar danos permanentes ao tímpano e às habilidades auditivas.

Muito cuidado com os cotonetes!

Uma regra geralmente compartilhada para limpar o excesso de cera do ouvido é nunca colocar um objeto menor do que o cotovelo no ouvido. Como a maioria dos cotovelos é significativamente maior do que a abertura média do canal auditivo, no final das contas é melhor não colocar nada nos ouvidos para retirar a cera. E não há razão para se preocupar, pois os ouvidos são realmente autolimpantes. O movimento da mandíbula e a produção regular de um novo cerume tendem a empurrar o excesso de substância para fora da orelha naturalmente.

Mas se você se sentir muito desconfortável com a cera a ponto de simplesmente não suportá-la, tente retirá-la usando um pano levemente umedecido. Mas fique ligado! Se aparecerem sintomas decorrentes do acúmulo de cera no ouvido, é recomendável que se faça uma visita a um otorrinolaringologista para uma limpeza 100% segura.

Gostou? Compartilhe esse post e deixe o seu comentário! 😀

Leia Também: