Connect with us

Hi, what are you looking for?

Curiosidades

Como funcionam as redes Wi-Fi?

Seja em casa, no consultório do dentista ou até mesmo em praça pública, o Wi-Fi (também chamado de rede wireless) tornou-se parte de nossas vidas aceleradas. Graças à ele, não precisamos mais estar conectados à Internet com cabos que antes nos deixavam “presos” à um determinado local. Mas você já parou para pensar como isso realmente funciona?

A conexão Wi-Fi utiliza ondas de rádio para transmitir dados entre um roteador e seu dispositivo por meio de frequências. Duas frequências de ondas de rádio podem ser usadas, dependendo da quantidade de dados enviados: 2,4 gigahertz e 5 gigahertz. Hertz é simplesmente uma unidade de medida usada para descrever frequências, mas para você entender melhor o seu funcionamento vamos usar um exemplo de fácil entendimento.

Por exemplo, digamos que você está sentado na praia ao mesmo tempo em que observa as ondas atingirem a costa. Se você medisse o tempo entre cada quebra de onda, estaria medindo a sua frequência. Um hertz é uma frequência de uma onda por segundo, enquanto que um gigahertz, por outro lado, é um bilhão de ondas por segundo. Ou seja, quanto maior a frequência, maior a quantidade de dados transmitidos por segundo.

As duas frequências Wi-Fi são divididas em vários canais para evitar um tráfego intenso e possíveis interferências. Quando se inicia o compartilhamento de dados nesses canais é quando a magia da computação acontece. O primeiro passo no processo é iniciado por você, o usuário. Quando você acessa a Internet no seu dispositivo, ele converte as informações solicitadas em código binário, a linguagem dos computadores. Tudo o que os computadores fazem é baseado em código binário, uma série de vários números 1 e 0.

Quando você clicou para ler este post, sua solicitação foi traduzida em um grupo de números 1 e 0. Se você estiver usando Wi-Fi, esses algarismos serão convertidos em frequências de onda pelo chip Wi-Fi incorporado em seu dispositivo. As frequências percorrem os canais de rádio mencionados anteriormente e são recebidas pelo roteador Wi-Fi ao qual seu dispositivo está conectado. Em seguida, o roteador converte as frequências de volta em código binário e transfere o código no tráfego da Internet que você solicitou, e é quando o roteador recebe esses dados por meio de um cabo de Internet com fio.

Advertisement. Scroll to continue reading.

O processo se repete até que você tenha carregado este artigo ou qualquer coisa que exija a Internet. O mais incrível é que toda essa troca de informações acontece a uma taxa absurdamente rápida e graças a essa rapidez e a ausência de fios, você pode desfrutar de todo o conteúdo que a Internet oferece com mais conforto e maior liberdade.

Interessante, não é mesmo? Deixe seu comentário!

Leia Mais

Bizarro

As bizarrices estão espalhadas pelo mundo inteiro e não é de hoje. Como bem sabemos, essas bizarrices podem ser encontradas nos mais variados setores,...

Curiosidades

É comum vermos muitos comerciais sobre as cápsulas do Ômega 3 e elas são provavelmente uma das que mais tem propaganda atualmente. Apesar de...

Curiosidades

Sabemos que existem diversos casos de sequestro espalhados pelo mundo, alguns deles acabam ficando tão famosos que ganham destaque internacional. Mas também sabemos que...

Curiosidades

Sabemos que é extremamente importante cuidarmos da nossa saúde, afinal de contas, só permanecemos vivos se ela estiver boa. Acompanhamento médico e uma forma...

Curiosidades

Existem aquelas pessoas que dizem que só acreditam em algo que vê, bom, nós não vemos o vento, mas sabemos que ele existe, certo?...

Curiosidades

É muito comum que o universo chame a atenção de diversas pessoas, principalmente porque ele é infinito e sempre é protagonista de várias e...