Curiosidades

As 5 fugas de prisão mais incríveis da história

As 5 fugas de prisão mais incríveis da história

Muitos criminosos são pessoas realmente criativas, apesar de usarem a sua criatividade para fazer o mal. Uma prova da capacidade dessas “mentes inovadoras” são as criativas fugas de prisões que delinquentes de todas as espécies já realizaram pelos presídios mundo afora. Pensando nisso, resolvi listar 5 casos desse tipo que ganharam notoriedade devido ao seu alto nível de engenhosidade.

5. John Dillinger

John Dillinger foi preso por roubo e vários outros crimes na cidade americana de Tucson, Arizona, em janeiro de 1934. Ele foi extraditado para Crown Point, Indiana, onde foi mantido na prisão local enquanto aguardava julgamento. As autoridades da prisão costumavam se gabar, dizendo que ela era à prova de fuga, mas Dillinger logo viria a provar que todos estavam errados. Em pouco mais de um mês após ser detido, ele usou a arma falsa feita de madeira e graxa de sapato para intimidar 33 pessoas na prisão, incluindo guardas e outros detentos. Depois que John  conseguiu colocar as mãos em uma submetralhadora de verdade, ele entrou no escritório do xerife, roubou a chave de sua viatura e saiu em direção à Chicago. Supostamente, ele fugiu rindo e se gabando, dizendo “Ha, ha, ha! Eu fiz tudo isso com uma arma de madeira!” Apenas três dias depois da fuga, ele estava novamente envolvido em um assalto a banco.

4. Steven Russell

Steven Russell foi condenado à prisão por roubar milhões de dólares de pessoas ao se passar por piloto, juiz, médico e até mesmo agente do FBI. Durante um período de cinco anos, Russell conseguiu escapar de diferentes prisões do Texas por quatro vezes. Em uma delas, mais precisamente no ano de 1998, ele fingiu ter os sintomas de AIDS por dez meses. Ele comia porções insignificantes de comida e ainda tomava laxantes para parecer fraco. Além disso, ele também escreveu registros médicos falsos e os enviou para o departamento responsável na prisão. Devido às suas habilidades de persuasão e um pouco de sorte, as autoridades do Texas o transferiram para uma casa de repouso sem realizar os testes necessários para a comprovação da doença. Algum tempo depois, ele se proclamou morto ao enviar uma certidão de óbito às autoridades da prisão. O filme “O Golpista do Ano” foi baseado em sua vida.

3. Choi Gap-Bok

Preso sob a acusação de roubo, o mestre de yoga Choi Gap-Bok conseguiu fugir de sua cela apenas cinco dias depois de ser preso. Ele aplicou uma pomada na parte superior de seu corpo e conseguiu passar por uma abertura minúscula de 15 centímetros de altura por 45 de largura de largura em sua cela. A fuga aconteceu durante a noite e levou apenas 34 segundos. Os guardas da delegacia de polícia em Daegu, na Coreia do Sul, estavam dormindo na época.

2. Joaquín Guzmán (El Chapo)

El Chapo, famoso traficante mexicano, não escapou da prisão apenas uma vez, mas várias! Sua fuga mais notória ocorreu na prisão mais segura do México, Puente Grande, no ano de 2001. Equipada com um avançado sistema de vigilância, esta prisão tinha dois guardas designados para cada condenado. Mas El Chapo conseguiu subornar os guardas da prisão para que desativassem as câmeras de segurança, o escondessem em um carrinho de roupa suja e o levassem para um caminhão que conduziria o traficante para fora da prisão. Depois dessa fuga, ele ficou desaparecido por 13 anos, até ser encontrado novamente.

1. Michel Vaujour

Michel Vaujour era um condenado que estava cumprindo uma longa sentença por assalto à mão armada e outros crimes em uma prisão na cidade de Paris, onde já havia conseguido fugir anteriormente. Em maio de 1986, durante a sua fuga mais famosa, ele pintou nectarinas para que ficassem parecidas como granadas, com o objetivo de assustar os guardas e conseguir se deslocar para o telhado da prisão. Chegando lá, a sua esposa Nadine Vaujour estava esperando por ele em um helicóptero! Nadine tinha feito aulas de voo especialmente para o plano de fuga e pilotou o helicóptero até um campo de futebol onde aterrissaram, entraram em um carro e foram embora. Michel Vaujour foi novamente preso tempos depois e foi finalmente libertado em 2003 depois de cumprir 27 anos de prisão. Sua fuga lendária inspirou o filme francês La Fille de l’air, lançado em 1992.

Qual você achou a mais insana? Comente!

Leia Também: