Curiosidades

O que é a síndrome do túnel do carpo?

O que é a síndrome do túnel do carpo?

Pessoas que escrevem muito, digitam em computadores por longas horas ou que realizam quaisquer trabalhos que envolvem a movimentação contínua das mãos, correm o risco de desenvolver a chamada síndrome do túnel do carpo. Esta condição ocorre quando o “túnel” de ossos e ligamentos no pulso se comprime de tal forma que afeta o nervo mediano da mão, causando uma sensação de dor, formigamento ou dormência na região.

A síndrome do túnel do carpo ocorre com mais frequência nos adultos com mais de 30 anos. As crianças também podem apresentar esse problema, mas casos desse tipo são bem mais raros. Curiosamente, as mulheres também têm uma tendência maior de desenvolver essa síndrome do que os homens.

As pessoas com síndrome do túnel do carpo enfrentam dificuldades motoras para exercer funções que são consideradas muito simples, como por exemplo jogar vídeo game ou até mesmo cortar algum alimento relativamente duro com uma faca. De fato, qualquer coisa que exija o movimento frequente das mãos ou do pulso pode se tornar uma experiência difícil de ser realizada. Se você olhar para a palma da sua mão, verá que o túnel do carpo está localizado debaixo da pele do seu pulso. Nove tendões e o nervo mediano passam por esse túnel que liga o pulso aos dedos. Movimentos repetitivos são geralmente apontados como a maior causa para o surgimento desse problema, pois podem fazer com que os tendões e tecidos no túnel fiquem inchados e pressionem o nervo médio.

No entanto, não é apenas no trabalho que uma pessoa pode desenvolver essa condição. Qualquer tipo de ação que exija movimentos repetitivos pode levar ao surgimento da síndrome do túnel do carpo. Atividades como tocar instrumentos musicais e praticar esportes (especialmente ginástica e tênis) também podem causar esse problema.

Se você for diagnosticado com a síndrome do túnel do carpo, seu médico pode te recomendar o uso de uma cinta no pulso, principalmente durante as noites. Essa cinta evita os movimentos bruscos da mão e mantém o túnel do carpo em linha reta. Os casos mais graves podem exigir injeções de cortisona para reduzir a inflamação ou até mesmo uma cirurgia para aliviar a pressão sobre o nervo mediano. Felizmente, esse tipo de lesão raramente é permanente, por isso a maioria das pessoas são capazes de tratá-la de uma forma eficaz.

Gostou das informações adquiridas? Compartilhe o post e deixe o seu comentário!

Leia Também: