Curiosidades

As 5 coleções mais bizarras do mundo

Pessoas de todo o mundo colecionam objetos como uma forma de preservar coisas que carregam um certo valor sentimental ou até mesmo como um simples passatempo. Só que muita gente decide acumular itens que são totalmente diferentes das coleções que estamos acostumados a ver. Aqui estão 5 exemplos bem curiosos.

5. Coleção de cadeiras em miniatura

Comprar cadeiras de tamanho pequeno começou como um passatempo de fim de semana para a americana Barbara Hartsfield. Só que depois de manter o hábito por 10 anos ela conseguiu montar uma coleção de mais de 3.000 miniaturas! Os itens foram comprados em lojas de antiguidades, E-bay, catálogos, lojas de decoração e viagens. Ela até já recebeu alguns de presente. Hoje, entusiastas de móveis de todo os Estados Unidos visitam a cidade de Stone Mountain, na Geórgia, para ver de perto a curiosa coleção de Barbara.

4. Coleção de capas de guarda-chuva

Coleções de guarda-chuvas são até relativamente comuns, mas só uma pessoa se especializou em juntar apenas as capas desses objetos. A maior coleção de capas de guarda-chuva pertence a Nancy Hoffman, moradora de Peaks Island, Maine, EUA. Ela possui mais de 730 itens e desde 1996 sua casa abre as portas frequentemente para receber visitantes curiosos. A coleção inclui capas provenientes de mais de 50 países diferentes. Para animar os visitantes, Nancy costuma cantar e tocar músicas relacionadas a guarda-chuvas em sua sanfona.

3. Coleção de coçadores de costas

Uma visita à clínica de dermatologia do doutor Manfred S. Rothstein, em Fayetteville, na Carolina do Norte, pode incluir uma demonstração gratuita da maior coleção de coçadores de costas do mundo. O médico, que diz sempre ter gostado de coleções, possui mais de 800 ferramentas desse tipo, muitas delas exibidas em gabinetes nas salas de exames e nos corredores de sua clínica. A coleção inclui um coçador com formato de gorila, outro feito de costelas de búfalo e três modelos elétricos do início de 1900.

2. Coleção de cones de sinalização

Pense no caos que uma pessoa poderia causar ao colocar mais de 500 cones de sinalização deliberadamente nas ruas mundo afora… Felizmente, o britânico David Morgan não usa sua coleção para essas finalidades. Sua obsessão começou quando ele trabalhava para a Oxford Plastic Systems, a maior produtora mundial de cones de sinalização. Coleção muito específica, não é mesmo?

1. Coleção de cocô fossilizado

George Frandsen é basicamente o Indiana Jones do cocô. Ele já colocou suas mãos em mais de 1200 amostras de coprólito (nome científico das fezes fossilizadas). Sua coleção recebeu o certificado de recorde mundial em agosto de 2016, sendo que em outubro do mesmo ano ele emprestou seus itens para uma exposição em um museu do estado americano da Flórida. Os visitantes do museu podem observar coprólitos de oito países diferentes, incluindo um cocô gigante de um crocodilo pré-histórico que pesa mais de 4 quilos e que é carinhosamente chamado de “precioso”.

Qual das coleções é a mais bizarra na sua opinião? Comente! 😀

Você também pode gostar de