Curiosidades

Quem criou o papel higiênico?

Quem criou o papel higiênico?

Papel higiênico, item de suma importância em nosso dia-a-dia. Afinal, o que seria de nós sem esta maravilha que nos mantém limpos? Porém, você já parou para pensar em quem inventou o papel higiênico? Está na hora de descobrir!

Tudo começou na China em cerda de 875 a.C., até então por lá era comum utilizar folhas de alface, sabugos de milho ou água mesmo. Acredita-se que durante a dinastia Yuan, havia até mesmo produção em massa do comum item dos banheiros que na época media 60x90cm e era exclusivo da corte imperial. Porém, infelizmente a ideia morreu por ai, isto porque não existem registros de outros povos terem o mesmo costume. Para ter ideia, na Grécia Antiga se utilizava pedras e argila, já a Roma Antiga tinha como hábito usar uma esponja comunitária (eca).

 

O papel higiênico como conhecemos hoje só surgiu em 1857, muuuitos anos depois da invenção chinesa. O responsável por ele foi o norte-americano Joseph Gayetty que vendia o produto em pacotes com folhas individuais. Infelizmente, este foi um grande desastre de vendas já que custava muito, tinha poucas folhas e seu grande objetivo era auxiliar aqueles que sofriam com as hemorroidas. Anos depois, mais especificamente em 1879, os irmãos Edward e Clarence Scott resolveram criar uma empresa especializada em objetos descartáveis. Dentre eles existia um papel macio que se desintegrava facilmente, sendo esta a primeira tentativa bem-sucedida de criação do papel higiênico.

A história após isto nós conhecemos, foi rápida a transformação das folhas em rolos e também sua popularização mundo a fora, sendo hoje um dos mais comuns objetos encontrados pelo mundo. Você conhecia essas informações? Comente!

Leia Também: