Curiosidades

Por que nossos músculos tremem quando levantamos muito peso?

Por que nossos músculos tremem quando levantamos muito peso?

Você já percebeu que muitas vezes quando tentamos levantar algo muito pesado, os músculos dos nossos braços começam a tremer de repente? Isso também pode ser facilmente notado quando malhamos na academia, onde até mesmo as nossas pernas podem apresentar um comportamento semelhante. Mas afinal, qual seria a causa por trás de todo esse tremor?

A resposta simples para a causa dessa reação estranha do nosso corpo é a chamada “fadiga muscular”. Como o próprio termo já sugere, a fadiga muscular é o estado no qual os nossos músculos apresentam sinais de cansaço. Para entender melhor esse fenômeno, é preciso primeiro compreender o que acontece com nossos músculos quando nos exercitamos ou levantamos pesos. O sinal para o músculo se mover vem da medula espinhal, percorrendo um caminho desde os neurônios até os músculos propriamente ditos. Cada neurônio se conecta a várias células musculares, em vez de uma única célula muscular. O neurônio, junto com as células musculares às quais está conectado, é conhecido como unidade motora. É a partir dessa composição que as reações começam a se desenhar, já que o tamanho desta unidade motora determinará a precisão dos movimentos dos músculos.

Por exemplo, as unidades motoras nos braços e pernas serão maiores em tamanho caso sejam submetidas à pressão, com cada nervo controlando cerca de 1500-2000 células musculares. Ao realizar essa ação, as unidades motoras não se movem juntas, em vez disso, elas se movem em um padrão altamente não sincronizado e irregular. Isso significa que, enquanto algumas unidades motoras se contraem, outras se expandem. À medida que as unidades motoras restantes começam a trabalhar em conjunto e recebem uma determinada pressão, elas dão origem a movimentos bruscos repentinos, que sentimos na forma de tremores.

Vale destacar que a fadiga muscular ocorre nesse caso por que, quando levantamos pesos ou nos exercitamos, os músculos precisam gerar uma quantidade maior de força. Isso significa um aumento na frequência e força dos sinais. Como essa não é uma circunstância “comum” aos membros, ela acaba cansando os nervos, o que significa que eles podem não suportar a alta frequência com a mesma eficácia.

É importante deixar claro que a fadiga muscular é na maioria das vezes um sinal de que os seus músculos trabalharam até o limite da sua capacidade. Por isso, é sempre bom fazer uma parada durante as atividades físicas para dar uma relaxada. A sua saúde muscular agradece!

Interessante, não é mesmo? Compartilhe o post e deixe o seu comentário!

Leia Também: