Hattie Newman é uma artista, designer e ilustradora profissional que adora combinar elementos de design tridimensionais na criação de mundos fascinantes usando apenas papel e papelão. Quando criança, Hattie já era obcecada por desenhar cidades e vilas, além de gostar de montar pequenas construções usando os famosos blocos da fabricante LEGO, o que despertou o seu desejo pelo design e arquiteta.

Ao estudar na Universidade do Oeste da Inglaterra, ela começou a usar papel e papelão nas suas criações, pois estava interessada em transformar suas ilustrações 2D em estruturas físicas. A escolha pelo papel e papelão se deu pelo fato de que ambos são materiais muito baratos e bastante fáceis de serem encontrados. Hattie também já havida tido contato com a produção de animações em stop-motion, o que facilitou a tarefa de fazer bonecos em 3D usando papel e papelão.




Depois de se formar em 2008, ela se mudou para Londres para começar a trabalhar em um estúdio. Seis meses depois de economizar uma boa quantia em dinheiro, ela montou sua própria empresa no distrito de Stoke Newington. Atualmente, ela também está vendendo algumas das suas cidades em miniatura para arrecadar dinheiro para a War Child, uma instituição beneficente fundada em 1993 com o objetivo de ajudar crianças carentes que vivem em áreas de conflito.




“Ao longo dos anos, eu consegui me tornar mais habilidosa em fazer os projetos de papel, pois desenvolvi muitos truques úteis e aprendi onde comprar melhores ferramentas e materiais”, disse Hattie em entrevista à revista Lecture in Progress. “Eu aprendi a gerenciar uma equipe de assistentes, estimar o tempo e custos necessários para fazer cotações profissionais e a lidar com pedidos mais complexos dos clientes”.

O trabalho de Hattie Newman é geralmente contratado por empresas que buscam inovar nas suas apresentações em exposições. As cidades de papel da artista tem alcançado uma popularidade cada vez maior, de modo que o seu sucesso levou ao lançamento de um livro, no qual Hattie dá dicas sobre o manuseio do papel e a escolha dos materiais para uma melhor produção.

Um trabalho muito bem feito, não é mesmo? Compartilhe o post e deixe o seu comentário!