Curiosidades

Quem foi o primeiro síndico do Brasil?

Hoje moro em um apartamento e é minha primeira experiência na vida adulta em um condomínio. Por aqui temos uma figura chamada síndico que coordena – ou tenta – as demandas e mantém a ordem. Estamos com um problema no interfone dos apartamentos e ao questiona-lo a respeito de uma solução fiquei bastante curiosa sobre quem teria sido o primeiro síndico da história…

Infelizmente, permanecerei curiosa já que, até onde foram minhas pesquisas, não encontrei nenhum registro do primeiro homem ou mulher a exercer esta profissão. Porém, descobri que essa história se iniciou em 1964 quando a figura do síndico (palavra que vem do grego σύνδικος [sýndikos] que significa patrocinador da justiça) se tornou exigência legal a partir da Lei Federal que serviu de base para o funcionamento dos primeiros condomínios.

Para que você compreenda melhor, a lei exige que todo condomínio tenha uma convenção que deve ser criada e aprovada em assembleia onde também deve ser eleito um síndico por votação que deverá se responsabilizar pela fiscalização e também cumprimento de todas essas normas. Além disso, no Código Civil brasileiro é possível verificar que existem diversas regras de funcionamento, direitos e deveres que todos devem seguir.

O post ainda não terminou... Mas que tal descobrir se o refrigerante DR PEPPER é bom em nosso último vídeo?

Clique aqui para assistir no YouTube



Se você mora em um condomínio e acha seu síndico ou sua síndica gente fina, lembre-se de dar-lhe parabéns todo dia 30 de novembro. Vale ressaltar que na maioria dos casos esta figura não recebe nenhum salário para desempenhar este papel, tendo apenas isenção das taxas condominiais. Porém, também existem os síndicos profissionais que possuem salário e muitas vezes desempenham este papel em diversos condomínios.

E ai, você gosta do seu síndico? Comente!

Você também pode gostar de