Curiosidades

As 6 tradições natalinas mais bizarras do mundo

Embora o Natal seja geralmente tratado como um feriado cristão, ele também é celebrado em algumas partes do mundo de um jeito bem particular, com as pessoas adicionando as suas próprias tradições de acordo com o folclore e a cultura regional. Coisas como manjedoura, Papai Noel e bonecos de neve sorridentes ainda fazem sucesso em muitos lugares, mas se você olhar com atenção, descobrirá alguns gostos bem diferentes nessas celebrações. As tradições natalinas a seguir mostram isso muito bem.

6. Árvore de Natal com teias de aranha (Ucrânia)

Sem dúvidas, essa tradição natalina da Ucrânia não é para os aracnofóbicos! Em vez de usar apenas enfeites coloridos e estrelas nas árvores, alguns ucranianos usam apetrechos que imitam as teias de aranha. Essa tradição é proveniente de um conto popular sobre uma viúva pobre que não tinha dinheiro para decorar a árvore de Natal para os seus filhos. Diz a lenda que as aranhas da casa tiveram pena da situação da família e resolveram tecer teias bonitas por toda a árvore. Vale destacar que as teias de aranhas também são consideradas sinais de boa sorte na cultura ucraniana.

5. Sessão de sauna (Finlândia)

Muitas casas na Finlândia são equipadas com suas próprias saunas, sendo que na época do Natal esses locais aconchegantes se tornam verdadeiros “espaços sagrados”. Na véspera de Natal, alguns finlandeses costumam tirar as roupas e fazer uma longa e respeitosa sessão de relaxamento na sauna, que também é considerada a casa do lendário “elfo da sauna”. Após a “sessão da sauna”, os finlandeses partem para as comemorações da noite, o que inclui vários banquetes. Esse costume também é relativamente popular na Estônia.

4. Esconder vassouras (Noruega)

De acordo com o folclore norueguês, a véspera de Natal é o dia em que bruxas e espíritos travessos decidem usar suas magias para “tocar o terror” por onde passam. Como as bruxas costumam usar as vassouras como seu meio de transporte favorito, uma das tradições natalinas do país faz com que as famílias norueguesas escondam não só as vassouras, mas qualquer material de limpeza preso a paus, para que as bruxas não consigam por em prática as suas travessuras.

3. Pepino escondido na árvore de Natal (Alemanha)

O post ainda não terminou... Mas que tal descobrir se o refrigerante DR PEPPER é bom em nosso último vídeo?

Clique aqui para assistir no YouTube



Uma das tradições natalinas da Alemanha gira em torno de esconder um pepino (geralmente de brinquedo) em algum lugar dentro dos galhos da árvore de Natal, de modo que a criança que o encontrar receberá um presente pelas suas “habilidades de detetive”. No entanto, algumas pessoas acreditam que essa tradição não seja necessariamente alemã, já que existe uma lenda espanhola que diz que dois garotos foram mantidos como prisioneiros dentro de um barril cheio de pepinos. O Papai Noel, por sua vez, resgatou os meninos e os trouxe de volta à vida, dando origem à celebração do tal pepino na árvore.

2. Tió de Nadal (Catalunha)

Todas as noites, entre 8 de dezembro e a véspera de Natal, as crianças catalãs alimentam pequenos troncos de árvore com água e o deixam sob um cobertor para mantê-los aquecidos. Esses troncos possuem pernas de pau, chapéu e são chamados de Tió de Nadal. Na véspera de Natal, as crianças são encarregadas de bater o tronco com paus enquanto cantam músicas tradicionais que pedem para que o tronco “defeque” os presentes. Como o “bumbum” do tronco fica escondido em um lençol juntamente com os presentes previamente colocados lá pelos pais das crianças, em determinado momento os brinquedos ficam visíveis para a garotada, como se o tronco realmente tivesse feito cocô.

1. Krampus (Áustria)

Na tradição natalina austríaca, existe uma criatura macabra chamada “Krampus”, que dizem ser uma espécie de antagonista malévolo do Papai Noel que perambula pelas ruas em busca de crianças mal comportadas para arrastá-las para o submundo. Por isso, é comum no mês de dezembro ver figuras mascaradas aterrorizantes que adoram assustar crianças e adultos com brincadeiras medonhas.

Qual das tradições natalinas citadas você achou a mais bizarra? Deixe o seu comentário!

Você também pode gostar de