Curiosidades

Qual a diferença entre astronauta e cosmonauta?

Se você gosta de ficar ligado no mundo da astronomia e nos mais recentes avanços das ciências espaciais, já deve ter se deparado com palavras bastantes curiosas. Dois termos que costumam chamar bastante atenção são “astronauta” e “cosmonauta”, que acabam deixando muita gente com um ponto de interrogação na cabeça por causa das suas similaridades. Mas afinal, o que elas significam? Existe alguma diferença entre elas?

Na prática, ambos os termos são usados para descrever o profissional que foi treinado para participar de viagens espaciais. A principal diferença fica por conta do fato de que o termo “cosmonauta” se refere a uma pessoa que foi treinada e certificada pela Agência Espacial Federal Russa para trabalhar no espaço. Por outro lado, um astronauta é uma pessoa treinada e certificada para trabalhar no espaço por outras agências, como a Agência Japonesa de Exploração Aeroespacial (JAXA), Agência Espacial Europeia (ESA), Corpo de Astronautas Canadenses (CSA) ou Administração Nacional da Aeronáutica e Espaço (NASA). Em outras palavras, o cosmonauta é uma pessoa que viaja no espaço depois de ter sido treinado na Rússia, enquanto o astronauta foi treinado em outras agências espaciais.

O americano Scott Kelly (à esquerda) é um astronauta, enquanto o russo Mikhail Kornienko (à direita) é considerado um cosmonauta.

Apesar dessa ser a principal diferença entre os diferentes termos, ainda existem algumas outras características peculiares com relação às qualificações para se tornar um cosmonauta ou um astronauta. Por exemplo, a idade máxima para se inscrever para o serviço como astronauta é de 40 anos. O indivíduo deve ter um bacharelado em Ciências e ter se formado na escola de pilotos de teste militar dos EUA. Além disso, sua altura deve ser menor que 1,90 m e a pessoa deve ter 1500 horas de voo no mínimo. Por outro lado, um cosmonauta deve ter pelo menos 900 horas de voo, precisa se formar na Força Aérea Russa e não deve ter mais de 30 anos de idade.

Vale lembrar que tanto para ser um astronauta quanto um cosmonauta é preciso ter um vasto conhecimento das ciências tecnológicas e da relação do ser humano com o espaço. Por causa disso, esses profissionais costumam ser bastante respeitados no meio científico.

Sabia dessa? Compartilhe o post e deixe o seu comentário!

Você também pode gostar de