Saúde

O que é kombucha?

Há algum tempo escrevi aqui no TriCurioso o que é o Kefir e hoje chegou o momento de descobrir mais sobre a nova moda: Kombucha! O que é isso? Será que faz bem a saúde? É o que iremos descobrir!

A Kombucha é algo semelhante a um chá fermentado que, assim como o Kefir, tem características probióticas que fazer muito bem a saúde. É feito apenas com ingredientes naturais e tem características e aromas bastante distintos de tudo o que você já viu, hehe. Ele pode ser doce, amargo, azedo, seco, alcoólico, suave… tudo depende de como você produzi-lo. Isso mesmo, você produzi-lo já que ele segue a tendência ‘Faça você mesmo’.

Como preparar o Kombucha?

Assim como o Kefir, você irá precisar preparar uma colônia específica de bactérias que farão a dita fermentação para você. Neste caso, a colônia é chamada de SCOBY ou de mãe do Kombucha e é formada por bactérias e leveduras parecidas com discos translúcidos e amolecidos – bem nojentos, para ser sincera. Para fermentar, a colônia deve ser colocada em chá verde, preto ou mate e precisa da adição de açúcar cristal, refinado ou demerara já que as bactérias se alimentam do mesmo. É a quantia de açúcar que definirá as características, sabor e aroma. Quer aprender o passo-a-passo? Então vem comigo:

O post ainda não terminou... Mas que tal descobrir se o refrigerante DR PEPPER é bom em nosso último vídeo?

Clique aqui para assistir no YouTube



  1. Pegue a colônia e 100ml do líquido que a acompanha
  2. Faça 1L do seu chá favorito e o adoce a gosto. Então deixe-o esfriar antes de entrar em contato com o SCOBY.
  3. Misture tudo em um recipiente preferencialmente de vidro, feche-o com um pano limpo e elástico
  4. Guarde-o protegido do sol por 2 dias
  5. Prove o sabor, este não deve estar nem doce, nem com toques de vinagre. Senão estiver assim, guarde por mais dois dias de fermentação
  6. Todo o processo pode variar de 5 a 15 dias, então é preciso ter paciência e experimentar regularmente, assim garantindo que o sabor desejado seja conseguido
  7. Ao alcançar o sabor, coloque 90% do líquido em outro recipiente e o saborize com frutas, especiarias e até grãos de café. A criatividade é o que conta!
  8. Então feche o recipiente com uma tampa e o deixe fora da geladeira para finalizar a fermentação e produzir pressão interna que gerará efervescência. Quando isso ocorrer, basta levar a geladeira e consumi-lo.
  9. Agora, os 10% que sobrou serve para serem guardados e reiniciar a produção.

Quais são os benefícios do Kombucha?

Todo esse trabalho para quê? Quais são os benefícios desse negócio? Pois bem, além de ser rico em probióticos – o que auxilia muito na hora de ir ao banheiro – o Kombucha também é um excelente antioxidante e é rico em vitaminas do complexo B e vitaminas C. Porém, é importante que você discuta a ideia com seu nutricionista antes de começar a produção, só para ter certeza de que é a melhor opção para você.

Gostou das informações? Vai aderir a Kombucha? Comente!

Você também pode gostar de