Curiosidades

O que é o HANS? Como ele mudou o automobilismo?

O que é o HANS? Como ele mudou o automobilismo?

Durante muito tempo no automobilismo, até mesmo um pequeno acidente de carro poderia ser fatal. Por exemplo, o piloto americano Patrick Jacquemart morreu no circuito de Mid-Ohio em 1981 depois de uma colisão frontal com um banco de terra. Na ocasião, seu carro ficou praticamente sem danos irreparáveis, mas Jacquemart acabou sofrendo uma fratura craniana que lhe causou graves danos cerebrais. Para a sorte de outros pilotos, dois amigos de Jacquemart usaram esse fatídico acidente para criar um dispositivo de segurança que mudou o esporte das corridas de carros para sempre, chamado “HANS”.

Esses amigos eram Jim Downing e o cunhado de Jacquemart, o Dr. Bob Hubbard. Os dois decidiram combinar o conhecimento de Downing em corridas e a especialidade de Hubbard em engenharia e anatomia do crânio para desenvolver novos equipamentos de segurança com o objetivo de tentar evitar que ocorressem outras mortes como a de Jacquemart. A invenção simples e eficaz que criaram ficou conhecida como HANS, uma abreviação de “head and neck support”, que se traduzida significa “suporte de cabeça e pescoço”.

O HANS funciona como se fosse um colarinho com duas amarras que prende a cabeça do piloto. Em outras palavras, ele é uma espécie de colar de ombro que se prende tanto aos cintos de segurança do assento do carro quanto ao capacete do piloto. No caso de um acidente, ele mantém a cabeça e o pescoço do piloto alinhados adequadamente com o tronco, evitando uma força excessiva que resultaria em lesões graves e fatais no pescoço e na cabeça.

No entanto, foram necessários vários anos para que o dispositivo HANS se tornasse algo praticamente indispensável no automobilismo de auto nível. De fato, só depois da morte de Dale Earnhardt, vítima de um acidente semelhante ao de Jacquemart no Daytona International Speedway em 2001, a NASCAR (principal categoria de stock cars nos EUA) passou a levar o dispositivo HANS a sério como deveria. Agora, a maioria das categorias do automobilismo exigem o uso de um dispositivo HANS para todos os seus pilotos.

Um dispositivo muito interessante, não é mesmo? Compartilhe o post e deixe o seu comentário!

Leia Também: