Curiosidades, História

A curiosa linguagem assobiada Silbo gomero

Você sabia que existe em La Gomera, Ilhas Canárias, uma linguagem onde são utilizados apenas assobios? Isso mesmo, para que essas pessoas possam se comunicar, elas utilizam o assobio em uma língua chamada Silbo gomero. Vamos conhecer mais sobre?

Pouco se sabe sobre a origem do silbo gomero, porém acredita-se que esta expressão linguística exista desde muito antes de alguém chegar à ilha La Gomera, tendo sido criada pelos Guanches, habitantes originais do local. Com o tempo, ela acabou se espalhando para locais como el Hierro, Tenerife e Gran Canaria, assim se adaptando a língua espanhola. Infelizmente, este último fato quase levou a sua extinção no final do século XX e para evitar isso, o governo local ordenou que as crianças gomeranas aprendessem a língua do assobio, assim garantindo sua sobrevivência por mais algum tempo. Uma curiosidade interessante é que ela é declarada como Patrimônio Oral e Imaterial da Humanidade pela UNESCO desde 2009 e existe uma grande preocupação em sua preservação a longo prazo.

Mas como ela funciona?

O silbo gomero é, na verdade, uma versão assobiada do dialeto espanhol e ocorre em função da variação de timbre da fala aparecer sobre a forma de afinação, variando de acordo com a necessidade da expressão. Estudos afirmam que o silbo é assimilado pelo cérebro de uma forma muito semelhante a língua falada, neste mesmo estudo foi possível ver que quem fala a língua espanhola entende muito mais do silbo do que quem não pratica a linguagem pois as áreas do cérebro usadas são as mesmas para assobiar o silbo e falar espanhol.

Muito interessante, não é mesmo? Comente!

Você também pode gostar de