Curiosidades, História

Romi-Isetta: O primeiro carro de passeio fabricado no Brasil!

Romi-Isetta: O primeiro carro de passeio fabricado no Brasil!

É isso mesmo que você leu meu amigo e minha amiga. Talvez você não tenha lembranças da Romi-Isetta, esse carrinho engraçadinho de apenas uma porta, porém ele faz sucesso dentre os colecionadores brasileiros. Vamos conhecer mais sobre sua história?

O Romi-Isetta foi um carro trazido ao Brasil pelas Indústrias Romi S.A que tinham sede em Santa Bárbara d’Oeste, interior de São Paulo. Em 1955 a Iso permitiu e cedeu os direitos da produção do Isetta aqui, em nosso mercado brasileiro, especificamente para as Indústrias Romi S.A, organização esta que até então fazia máquinas industriais e agrícolas e que foi fundada em 1930 por Américo Emílio Romi em sociedade com seu enteado Carlos Chiti.

Então, já em 28 de agosto de 1955 foi anunciado no Diário de São Paulo que em breve o brasileiro poderia adquirir o Romi-Iseta que só foi lançado pouco mais de um ano depois, no dia 5 de setembro de 1956 as primeiras Romi-Isettas saíram para desbravar nosso país. Este curioso carro era equipado com um motor de dois tempos e possuía apenas uma única porta frontal. Uma curiosidade interessante é que este foi o primeiro automóvel de passeio totalmente fabricado em nosso país.

Para vender este carro, a estratégia publicitaria foi mostrar como seria útil para os mais diversos públicos como, por exemplo, para aquela família que procurava um segundo carro, para um universitário ir estudar todos os dias, houve até mesmo uma campanha focada no público feminino onde uma mulher sai de uma gaiola e entra no Romi-Isetta dizendo ‘agora sou livre’.

Em 1959 o automóvel ganhou um update e começou a ser fabricado com um motor BMW de quatro tempos, durante todo seu período de fabricação foram produzidos cerca de três mil unidades que hoje grande maioria vivem no luxo e conforto das garagens de seus colecionadores.

Você compraria um Romi-Isetta? É um charme, não é mesmo? Comente!

Leia Também: