Curiosidades

John Smith: Jovem é dado como morto após 45 minutos sem respirar e volta a vida

Há alguns dias foi lançado o filme Superação: O Milagre da Fé que narra a história incrível de John Smith, um jovem de 14 anos que passou cerca de 45 minutos sem respirar após cair em um lago congelado onde passou 15 minutos embaixo d’água.

Tudo aconteceu em uma manhã de inverno de 2015 quando John e seus dois amigos Josh Sander e Josh Rieger estavam brincando em cima de um lago congelado. Após conversar e tirar fotos os três meninos acabaram sendo surpreendidos quando o gelo rachou e os fez mergulhar em águas com -40ºC de temperatura. Josh Sander conseguiu se salvar ao puxar seu corpo para fora da água enquanto Josh Rieger conseguiu se segurar no gelo, porém não foi capaz de sair do lado e ficou lá até a ajuda chegar.

Já John não teve essa sorte e ficou embaixo d’água por 15 minutos até que a equipe de resgante finalmente o encontrou e o tirou das águas congelantes. Imediatamente levado para o hospital, a equipe do pronto-socorro tentou reanima-lo com todos os recursos que tinha quando finalmente Joyce Smith chegou, a mãe de John. Ela conta em entrevistas que ao chegar no quarto onde estava seu filho não percebeu que eles já estavam anunciando sua morte. Quando finalmente se deu conta que havia perdido seu menino, Joyce se desesperou e começou a clamar pela misericórdia de Deus. Ela conta que implorou que o Espírito Santo lhe devolvesse seu filho e quando o fez, a enfermeira que fazia massagem cardíaca no menino pode sentir a pulsação voltar.

Na época, os médicos chamaram o ocorrido de milagre e levaram o jovem para o melhor médico especialista em casos de afogamento da cidade. Ele alertou Joyce que dificilmente John vivesse mais do que àquela noite.

“O médico me disse: ‘Mesmo que John viva, ele será um vegetal. Há danos cerebrais e a única função cerebral é a função do tronco encefálico, que é muito rudimentar’. Então eu disse a ele: ‘Faça o seu melhor. Deus fará o resto, mas não quero falar nada sobre ele. Quando você está no quarto, eu só quero que ele [John] ouça coisas positivas”, disse Joyce em uma entrevista.

John viveu àquela noite e 48 horas após o acidente, despertou e logo começou a se comunicar com as pessoas ao seu redor sem uma sequela sequer.  7 dias após acordar já não precisava dos aparelhos para respirar, 16 dias depois pode sair do hospital com plena saúde. Sua recuperação extremamente veloz foi histórica e marcou a medicina fazendo os próprios especialistas chamarem o caso de Milagre. Após presenciar todo este fenômeno, Joyce escreveu um livro para contar tudo o que aconteceu e assim mostrar às pessoas o que a fé pode fazer.

“Estamos fazendo isso porque o nosso país precisa de esperança. Não somos a resposta – a resposta é Deus. Estamos apenas compartilhando a história para que este país veja o quão grande é o nosso Deus. Ele não está morto, Ele está vivo e Ele ainda está no negócio de milagres. Estou impressionado com o quão grande Ele é”, disse John Smith.

Incrível, não é mesmo? Comente!

Leia Também: