Curiosidades, Saúde

Reaproveitar o óleo das frituras pode fazer mal à saúde?

Muitas pessoas ainda têm o velho costume de reaproveitar o óleo usado em frituras. De fato, reutilizar o óleo de cozinha é uma prática comum até em restaurantes de fast-food para fritar itens do menu como batatas fritas. No entanto, um estudo recente sobre os efeitos do óleo de cozinha reaproveitado, acabou revelando uma conclusão alarmante. Uma equipe de pesquisadores da Universidade de Illinois resolveu testar os efeitos do óleo de soja e descobriu que a sua reutiliza~]ao pode desempenhar um papel no crescimento de alguns tipos de câncer, incluindo o câncer de mama metastático.

Para chegar à essa conclusão, os pesquisadores injetaram em camundongos células afetadas pelo câncer de mama 4T1, que são conhecidas por serem implacáveis ​​na medida em que se espalham rapidamente para partes distantes do corpo. Os ratos foram inicialmente colocados em uma dieta de baixo teor de gordura por uma semana. Posteriormente, uma parte do grupo foi alimentada com óleo de soja fresco por 16 semanas, enquanto os outros receberam o óleo reutilizado. Não demorou muito para que a equipe percebesse que os tumores nos ratos que receberam o óleo reutilizado se desenvolveram quatro vezes mais rápido do que os que receberam o óleo fresco.

É importante destacar que o óleo de cozinha reutilizado não é necessariamente o que está causando o câncer de mama nesses casos, mas de acordo com os resultados do estudo, as suas propriedades parecem promover a disseminação do câncer já existente. Mas a pergunta que fica é, por que a reutilização do óleo de cozinha pode ser tão problemática para a nossa saúde?

Bem, o problema disso é que reaquecer o óleo muda a sua composição. Uma vez que ele é reaquecido, uma toxina chamada acroleína, conhecida por seu potencial carcinogênico, é liberada, o que pode causar problemas no nosso organismo. Obviamente, tal como acontece com todas as pesquisas no campo da medicina, mais estudos precisam ser feitos para se obter uma melhor compreensão dos efeitos do óleo sobre o câncer de mama. Mas a equipe envolvida está esperançosa de que esses resultados forneçam pelo menos uma ideia inicial sobre esse assunto.

Sabia dessa? Compartilhe o post e deixe o seu comentário!

Leia Também: