Curiosidades

Os crimes que chocaram o Brasil

Os crimes que chocaram o Brasil

Os crimes são assuntos bastante polêmicos e comentados nas mídias. Chocam a população devido aos envolvidos, pela brutalidade, pelos fatos. Já aconteceu de você ser surpreendido pela notícia de um crime inesperado e chocante? Eles surgem, tomam conta da mídia e depois desaparecem. Mas continuam na lembrança das pessoas. Portanto hoje trouxemos uma lista dos crimes que chocaram o Brasil para você conhecer ou relembrar. Vem que eu te conto mais sobre isso!

Canecas para Presente

Os crimes que chocaram o Brasil

  • Caso Isabela Nardoni

Aconteceu em 29 de março de 2008. Isabela, uma menina de 5 anos, foi arremessada da janela do sexto andar do Edifício London, em São Paulo. Seu pai e sua madrasta foram condenados a prisão. A investigação mostrou que a menina foi agredida até desmaiar, e que os pais haviam a jogado por acreditarem que estava morta. Ela viva com sua mãe, e estava passando o fim de semana com o pai e mais dois irmãos mais novos.

  • Caso Eliza Samudio

Eliza sumiu em 2010, quando tinha 25 anos. Ela era amante do goleiro Bruno Fernandes, do Flamengo. Eliza tinha um filho com Bruno e pedia na justiça o reconhecimento da paternidade. As primeiras pistas apontavam que Eliza havia sido levada para uma propriedade de Bruno, em Minas Gerais e morta com crueldade lá. Segundo investigações, ela foi mantida em cativeiro, executada e esquartejada. Os restos mortais de Eliza nunca foram encontrados. Há suspeitas de que partes do seu corpo foram jogadas para os cães da propriedade comerem. Bruno foi preso e condenado a 22 anos e 3 meses de prisão, por assassinato e ocultação de cadáver.

Canecas para Presente

  • Cárcere de Eloá Pimentel

Esse foi o mais longo caso de cárcere privado da história de São Paulo, foram cinco dias de negociação. Eloá era uma adolescente de 15 anos e foi mantida refém junto com outros três amigos, por seu ex-namorado Lindemberg Alves Fernandes, de 22 anos. O caso aconteceu em 17 de outubro de 2008. Lindemberg atirou contra os reféns quando a polícia invadiu o local. A jovem chegou a ser encaminhada para o hospital, mas não resistiu e teve morte cerebral.

  • Caso Richtofen

O crime aconteceu na madrugada de 31 de outubro de 2002, em um bairro nobre de São Paulo. Suzane von Richtofen mandou mandar os próprios pais. OS assassinos foram um namorado e um amigo de Suzane.  A motivação do crime foi que os pais dela não aceitariam o relacionamento. Segundo a investigação, o trio arquitetou um plano para simular um latrocínio, roubo com morte. O objetivo era receber a herança dos pais de Suzane. Os criminosos foram todos condenados, e a justiça excluiu Suzane da herança dos pais, que ficará apenas com seu irmão.

  • Assassinato de Bernardo Boldrini

Bernardo foi assassinado em 4 de abril de 2014, quando tinha 11 anos. O crime ocorreu em uma cidade do Rio Grande do Sul.  A investigação apontou que Bernardo foi morto por uma superdosagem de um sedativo ministrado por sua madrasta e por uma amiga dela. O pai de Bernardo e o irmão de Edelvânia também foram presos por envolvimento no crime.

Você conhecia esses casos de assassinato? Conta pra nós!

Leia Também: