Curiosidades, Entretenimento

13 curiosidades fascinantes sobre o Doutor Estranho

13 curiosidades fascinantes sobre o Doutor Estranho

O Doutor Estranho se tornou um dos personagens mais emblemáticos do Universo Cinematográfico Marvel (MCU) desde o lançamento do seu filme em 2016, assim como através da sua popular aparição em “Thor: Ragnarok”. Ele é bem diferente de muitos outros heróis, apresentando detalhes únicos desde a sua aparência quanto aos seus poderes, sem falar que a sua presença nos filmes abriu a porta para mais poderes místicos em todo o MCU.

Outro detalhe que muitas pessoas não sabem é que os quadrinhos do Doutor Estranho têm uma longa história envolvida em controvérsias, assim como diferentes histórias que não foram conferidas a certos personagens na versão do filme. Parte disso vem de versões anteriores do super-herói, até por que estamos falando de um personagem que sempre foi rodeado de misticismos.

Pensando nisso, nós do TriCurioso resolvemos listar algumas curiosidades relacionadas ao “Mago Supremo”. Você vai descobrir que esse personagem tem muita história para contar. Confira!

1. Algumas pessoas compartilham uma certa crença de que tudo o que precisamos pode ser obtido através das forças do universo, contanto que acreditemos nisso. Pois bem, no caso do Doutor Estranho, o universo realmente traz poder. Sua força mística é derivada da energia do universo, bem como artefatos místicos, como a Capa da Levitação e o Olho de Agamotto, que aparecem com destaque no seu filme.

2. A história da origem do Doutor Estranho ilustra muito bem a vaidade e a arrogância humana. Ele era neurocirurgião de renome mundial mais preocupado com seus próprios interesses do que com o bem-estar de seus pacientes. No entanto, depois de se envolver em um acidente de carro que danificou os movimentos das suas mãos, ele resolve partir em uma jornada que o levou ao Himalaia, onde aprendeu as artes místicas e descobriu um novo sentido para a vida.

3. Seus maiores inimigos são Barão Mordo e Dormammu. O Barão Mordo era um outro aprendiz do Ancião, o mentor do Doutor Estranho, mas ficou com ciúmes e resolveu planejar a morte de seu próprio mentor. Por outro lado, Dormammu é o líder da Dimensão das Trevas que desafiou Estranho quando este assumiu a capa do Feiticeiro Supremo. Além disso, o Ancião e Dormammu foram inimigos ao longo da vida, então podemos dizer que o Doutor Estranho simplesmente “herdou” o conflito.

4. Stan Lee sempre recebeu os créditos por ser o criador da maioria dos personagens mais populares da Marvel. No entanto, isso não significa que Lee sempre tenha criado o conceito original de cada um deles. No caso do Doutor Estranho, o aclamado artista Steve Ditko foi o responsável por criar o personagem. Posteriormente, Lee se tornaria uma espécie de “auxiliador” encarregado em ajudar a desenvolver o conhecimento e os vilões do personagem.

5. Seus poderes místicos são praticamente ilimitados. Ele é capaz de exercer poderes de teletransporte, telecinesia, transmutação, conjuração, manipulação dimensional e, claro, viajar pelo Plano Astral. No entanto, essa é apenas uma pequena amostra do seu enorme conjunto de energias. Isso porque, na prática, os poderes do Estranho basicamente incluem tudo o que a história na qual ele está inserido vier a exigir.

6. Antes da estreia dos quadrinhos do Doutor Estranho, Stan Lee não tinha grandes ambições para o personagem. De fato, uma carta antiga revelou o que Lee pensava sobre o personagem antes da publicação: “A primeira história não é nada boa, mas talvez possamos fazer algo sobre ele”, havia dito Lee. Bem, parece que isso realmente aconteceu no fim das contas.

7. Originalmente, o Doutor Estranho deveria se chamar Senhor Estranho, mas Ditko e Lee decidiram que o nome era muito parecido com o do Senhor Fantástico. Além disso, o Dr. Hugo Strange já era um vilão do Batman. Por isso, Ditko e Lee decidiram soletrar a palavra “doutor” inteiramente para tornar o nome de seu personagem mais “exclusivo”.

8. Tudo bem que o amor é cego, mas o fato é que o Doutor Estranho realmente poderia ter escolhido um interesse amoroso melhor. Isso porque o seu grande amor, Clea, é a sobrinha do seu arqui-inimigo Dormammu.

9. Todos nós já ouvimos uma certa metáfora que fala sobre “enfrentar a morte”, mas o Doutor Strange fez isso literalmente. Na revista Doctor Strange #4 (1974), o feiticeiro encontra a personificação da morte e a vence em um batalha. Compreensivelmente, seu medo da morte é superado após o encontro. A batalha também concedeu ao Doutor Estranho o mesmo tipo de imortalidade que os elfos têm em O Senhor dos Anéis. Ou seja, embora ele possa morrer em combate, ele não pode morrer pelo envelhecimento.

10. A motivação de Estranho para se tornar um cirurgião não foi um simples interesse acadêmico em medicina ou fruto de um desejo por dinheiro ou prestígio. Nos quadrinhos, a história conta que a inspiração veio do fato de que ele tinha uma irmã mais nova que morreu quando ele era jovem. Essa irmã, que se chamava Donna, deveria aparecer no filme lançado em 2016, mas suas cenas foram cortadas devido a problemas com o tempo de execução do filme.

11. Em 1978, um filme live-action do Doutor Estranho foi produzido e lançado exclusivamente para a televisão. Esse filme de qualidade duvidosa mostrava o herói precisando lutar contra um demônio que havia entrado em nosso mundo. Na verdade, esse filme deveria servir como o piloto de uma série de televisão que nunca chegou a ser produzida.

12. Em um ponto da sua história, Doutor Estranho e seu amor, Clea, viajam através do tempo de tal forma que o herói acaba deixando Clea sozinha com Benjamin Franklin. Em uma reviravolta inesperada, Franklin deixa Clea bêbada antes de levá-la para a cama. Esse acontecimento bizarro foi posteriormente explicado com a informação de que Franklin era na verdade um feiticeiro do mal disfarçado.

13. O Doutor Estranho é um personagem jogável em vários jogos de videogame. Ele apareceu pela primeira vez como um personagem não jogável no jogo “The Amazing Spider-Man vs. The Kingpin”, lançado para o Sega Genesis em 1990. Em seguida, Estranho teve suas próprias aparições jogáveis em games como “Marvel vs. Capcom 3”, “Marvel Ultimate Alliance”, “Marvel Superhero Squad Online” e “Lego Marvel Heroes”.

Um personagem com uma trajetória bem curiosa, não é mesmo? Compartilhe o post e deixe o seu comentário!

Leia Também: