Curiosidades

7 coisas que você não sabia sobre o logotipo da Disney

7 coisas que você não sabia sobre o logotipo da Disney

Todos os entusiastas da cultura pop já sabem muito bem que o logotipo da Disney pode aparecer em praticamente qualquer lugar. Seja no início de um filme ou desenho, durante uma viagem à parque temático da Disney ou até mesmo nas embalagens dos seus produtos licenciados, o logo dessa gigante do entretenimento sempre dá um jeito de figurar em todos os lugares possíveis.

Canecas para Presente

No entanto, é interessante pensarmos que, embora seja visto com tanta frequência, poucas pessoas prestam atenção em alguns detalhes desse logotipo tão famoso. Por causa disso, muita gente acaba desconhecendo a interessante história por trás do processo de criação desse logotipo que ousa ficar registrado em nossas mentes.

Pensando nisso, nós do TriCurioso resolvemos listar sete fatos curiosos que você provavelmente não sabia sobre o logotipo da Disney. Você vai ver que até mesmo o logo dessa empresa tem uma boa história para contar. Confira!

7. No início, não existia um logotipo definido

Curiosamente, durante os seus primeiros 48 anos, a Disney não tinha nenhum logotipo definido. Desse modo, o público simplesmente via as palavras “Walt Disney Presents” ou “Walt Disney Pictures Presents” nas telas iniciais de suas produções.

O logotipo que conhecemos nos dias de hoje levou um bom tempo para ser produzido e sempre foi renovado a partir de outras versões mais antigas. Para se ter uma ideia, a introdução do icônico castelo no logotipo só ocorreu em 1985, através da sequência de abertura do clássico filme cult “O Caldeirão Mágico”. Desde então, um verdadeiro efeito dominó provocou uma regeneração de pequenos detalhes no logotipo da marca ao longo dos anos.

6. A razão por trás das contantes mudanças sutis

A Disney passou por várias reformas desde a sua criação, sendo que isso também inclui a constante adoção de novos detalhes ao seu logotipo. À medida que a tecnologia se tornava mais avançada, a Disney sempre buscava atualizar seu logotipo para refletir tais mudanças. Em alguns casos, tais atualizações poderiam ocorrer em filmes específicos, combinando o logo com a trama.

No geral a Disney usa isso como uma ferramenta de marketing para mostrar ao público que a empresa sempre está acompanhando a modernização, o que é importante, uma vez que isso pode ser facilmente percebido em suas animações. Portanto, o incremento de pequenos detalhes no logotipo ajuda a mostrar ao público que a empresa está sempre cumprindo os altos padrões que os seus próprios fãs estabeleceram para ela.

5. As verdadeiras donas do castelo

Você já se perguntou por que o castelo, introduzido pela primeira vez como parte do logotipo da Disney em 1985, parece ser tão familiar? Bem, isso acontece porque ele foi baseado nos castelos pertencentes à Cinderela e à Bela Adormecida.

Ambos os castelos serviram de inspiração para os logotipos que vemos hoje porque Cinderela e Bela Adormecida são ícones bem conhecidos na Disney, sendo que ambas são personagens tão famosas que são capazes de atrair a atenção tanto das crianças quanto do público mais adulto. Jogada de mestre, não é mesmo?

4. Foi utilizada uma estratégia bem ousada no processo de criação da fonte do logo

Criar um logotipo de sucesso pode ser uma tarefa muito mais complicada do que parece. Na prática, é preciso torná-lo facilmente reconhecível e, ainda assim, garantir que cada detalhe se destaque de tal forma que possa ser facilmente vinculado à marca. No caso da Disney, o departamento de marketing e design da empresa resolveu focar os seus esforços desde cedo na confecção das fontes usadas nas palavras “Walt Disney” (mais tarde apenas “Disney”) como parte de seu logotipo. Tanto é que eles criaram uma fonte exclusiva e com detalhes facilmente reconhecíveis.

Os trabalhadores envolvidos no projeto fizeram isso com o objetivo de simplificar o logotipo para determinados fins que exigissem a aplicação da marca em locais estratégicos. Por exemplo, poderia ser bem mais difícil inserir o logo completo em locais específicos, como áreas muito coloridas. Desse modo, para poupar dores de cabeça em casos do tipo, é possível inserir apenas a fonte com o nome da empresa, em vez do logo completo.

3. O Mickey Mouse já foi parte integrante do logo da Disney

O personagem mais popular e adorado de todo o universo da Disney é, sem dúvidas, o Mickey Mouse. Esse personagem existe há muitos anos e tem sido o grande responsável pelo entretenimento de várias gerações diferentes. No entanto, o que pouca gente sabe é que o Mickey já chegou a enfeitar o logotipo da Disney ainda nos primeiros dias de vida da empresa.

A ideia era associar a marca ao seu personagem mais famoso, o que até fazia sentido para a época, visto que essa era uma tática de marketing bastante utilizada por empresas do ramo do entretenimento.

2. No fim das contas, ele também serve para evocar emoções

Embora o logotipo da Disney tenha sido atualizado constantemente para refletir novas tendências em tecnologia, ele também é responsável por transmitir um significado especial para o público. Por exemplo, a própria inclusão do castelo da Cinderela/Bela Adormecida a partir da versão de 1985, também buscava despertar a curiosidade dos fãs com o que estava além do imaginário. Desse modo, podemos concluir que o objetivo do logotipo também envolve evocar emoções e a imaginação do público.

De fato, a Disney nunca deixa de oferecer essas qualidades em seus filmes, já que seus mundos tendem a nos emocionar e fazer-nos “fugir” do mundo real. É exatamente por isso que o público ama tudo o que a Disney tem a oferecer.

1. O detalhismo da versão 3D do logo também envolve uma estratégia de marketing

Talvez uma das coisas mais interessantes envolvendo o logotipo da Disney em geral seja a adição de detalhes modernos no seu logo mais moderno. Apresentando um castelo muito mais detalhado, a fonte exclusiva com o nome “Disney” (já que o “Walt” foi descartado) e até um fosso repleto de água, o logotipo em 3D também conta com uma estrela cadente que arqueia o castelo. De certo modo, essa adição visa invocar um sentimento de admiração, mas também carrega uma mensagem oculta de desejos se tornando realidade.

Outro ponto que merece destaque é que, apesar do começo difícil, a Disney conseguiu manter-se firme para se transformar no império extravagante e ousado que conhecemos e amamos nos dias de hoje. Sendo assim, o logotipo se relaciona diretamente com os personagens, a marca, seus produtos, sua missão, seus valores e tudo mais que a Disney representa em uma perfeita harmonia.

E você, já conhecia todos esses detalhes envolvendo o logotipo da Disney? Compartilhe o post e deixe o seu comentário!

Leia Também: