Curiosidades

6 fatos curiosos sobre o Empire State Building, o arranha-céu símbolo de Nova York

6 fatos curiosos sobre o Empire State Building, o arranha-céu símbolo de Nova York

O Empire State Building é um arranha-céu facilmente reconhecível no horizonte da cidade de Nova York. Ele agrega muita história dentro de sua estrutura de concreto e costuma fazer sucesso entre aqueles que visitam a “Capital do Mundo”. De fato, o Empire State Building é considerado uma das sete maravilhas do mundo moderno, e por boas razões, pois seu estilo único e significado arquitetônico estão incorporados nas mentes dos nova-iorquinos e dos turistas por toda a vida.

Pensando nisso, nós do TriCurioso resolvemos compartilhar alguns fatos curiosos pra lá de interessantes que você provavelmente não conhecia sobre esse edifício épico. A história em torno desse arranha-céu vai impressionar a sua mente ao ver como ele sempre esteve entrelaçado com muitos outros fatores externos. Sendo assim, continue lendo para aprender seis coisas que você não sabia sobre o Empire State Building em Nova York!

6. Ele já recebeu o infame apelido de “edifício de espaços vazios”

Por incrível que pareça, este edifício gigantesco ganhou esse apelido pra lá de curioso pois foi finalizado logo após a quebra da bolsa de valores de 1929. Esse evento histórico até poderia não ter impactado negativamente o início de suas operações, se não fosse o fato de que esse prédio foi criado para ser usado como um espaço de escritórios corporativos.

Sendo assim, quando as suas portas se abriram em 1931, a coisa não funcionou como esperado. O edifício estava usando menos de 25% de todo o seu espaço, o que fez com que seus gestores até recorressem a truques publicitários para atrair clientes. Curiosamente, também já foi mencionado que eles deixavam as luzes dos andares superiores acesas mesmo com as salas desocupadas, como uma forma de fazer com que o prédio parecesse um local popular muito ocupado, o que encorajaria outras pessoas a querer alugar um espaço.

5. O seu topo é comumente atingido por fortes descargas elétricas

Há muita eletricidade estática sendo gerada no topo do Empire State Building, o que ajuda a explicar o fato de que é bastante comum ver faíscas cintilantes por lá durante fortes tempestades. Para se ter uma ideia, o pináculo desse edifício costuma ser atingido por aproximadamente 23 raios por ano, o que ajuda a mostrar a sua afinidade com os fenômenos elétricos.

Sendo assim, embora as tempestades sejam fenômenos incríveis, nós recomendamos que você encontre um outro lugar para vê-las e evite qualquer visita ao topo do Empire State Building, caso resolva passear em Nova York durante um dia de tempo fechado.

4. A sua construção levou pouco mais de um ano para ser totalmente concluída

Este arranha-céu foi erguido a um ritmo bem mais rápido do que muita gente poderia imaginar, pois levou apenas 1 ano e 45 dias para a construção ser totalmente concluída. O processo inicial de escavação do terreno começou em março de 1930 e os trabalhadores encarregados foram capazes de trabalhar a um ritmo de edificação de 4,5 andares por semana. A sua construção exigiu o esforço de 3.400 operários da construção civil, que trabalhavam em turnos rotativos de 12 horas até a conclusão.

A maioria deles era composta de imigrantes europeus e, surpreendentemente, apenas cinco pessoas morreram durante todo o processo de edificação. Outra fato curioso é que esse era edifício mais alto já criado nesse período e continuaria a ostentar tal recorde de arranha-céu mais alto por mais 41 anos.

3. Uma mulher sobreviveu a um grave acidente envolvendo um dos seus elevadores

Betty Lou Oliver trabalhava todos os dias como uma auxiliar de elevador no Empire State Building. No entanto, as coisas pioraram drasticamente em um certo dia de trabalho. Na ocasião, o elevador em que ela estava caiu 75 andares, mas milagrosamente ela sobreviveu ao incidente.

Betty Lou Oliver sofreu vários ferimentos pelo seu corpo, incluindo partes como o pescoço, as costas e a pelve, e só sobreviveu à terrível experiência devido aos cabos de segurança do elevador que amorteceram sua queda. Ela conseguiu se recuperar após 8 meses sob cuidados médicos e usou o mesmo elevador pela última vez antes de deixar Nova York para sempre ao decidir morar com o marido no Arizona.

2. É possível realizar cerimônias de casamento no Empire State durante o Dia dos Namorados

Há uma espécie de concurso anual de casamento no Empire State Building durante o período que cerca os Dia dos Namorados, onde certos casais são selecionados a cada ano para selar o matrimônio neste feriado especial. Geralmente, eles escolhem treze casais felizes de lugares diferentes e organizam o evento no 86º andar. Como se isso não fosse o bastante, um casal sortudo ainda é sorteado para ganhar uma lua de mel com tudo pago!

No ano passado, todas as noivas receberam um vestido luxuoso para o seu grande dia como uma cortesia da Kleinfeld’s, a mesma loja que hospeda a popular série de TV “O Vestido Ideal”. Também vale destacar que os casais selecionados contam com acesso livre e gratuito ao Empire State Building todos os anos na data do aniversário do casamento, como uma forma de comemorar mais um ano de união matrimonial.

1. Houve um acidente envolvendo a colisão de uma aeronave contra a sua estrutura em 1945

Este acidente aconteceu em 1945 e foi o responsável pela morte de 14 pessoas. Na ocasião, havia uma forte neblina sobre a cidade no mesmo momento em que um bombardeio B-25 Mitchell estava voando de Massachusetts para Nova York. Como o nevoeiro era espesso, os controladores de tráfego aéreo insistiram para que os pilotos aterrissassem em Newark, mas essa mudança no plano de voo acabou levando o avião em direção aos vários arranha-céus da cidade de Nova York.

O piloto até desviou a aeronave para evitar o Chrysler Building, mas acabou acertando o Empire State Building no 79º andar, de modo que um dos motores foi parar em uma cobertura do outro lado da rua. Felizmente, era um sábado, um dia que tradicionalmente apresenta um menor número de trabalhadores no prédio, o que evitou uma tragédia ainda maior. As equipes de resgate conseguiram apagar as chamas em menos de uma hora.

E você, já conhecia todos esses detalhes sobre o Empire State Building? Compartilhe o post e deixe o seu comentário!

Leia Também: